sicnot

Perfil

Novo Governo

Costa diz que Passos se engana a si próprio quando fala em maioria

Costa diz que Passos se engana a si próprio quando fala em maioria

António Costa reagiu esta sexta-feira à noite à esperança anunciada por Passos Coelho de chegar à maioria absoluta. Num comício em Almeirim, o líder do PS afirmou que o primeiro-ministro está a enganar-se a si próprio e que os eleitores se arrepiam só de pensarem numa vitória da coligação. O comício ficou também marcado pela entrada em cena de Vieira da Silva, que recordou as medidas duras tomadas pelo atual Governo para dizer que Passos Coelho nunca poderá ser quem não é.

  • Passos apela a maioria para garantir estabilidade
    3:13

    Novo Governo

    Pedro Passos Coelho dramatizou o discurso. Esta sexta-feira, em Santa Maria da Feira, apelou à maioria absoluta sem o assumir diretamente. No maior comício da campanha até agora, o líder da coligação Portugal à Frente deixou no ar o fantasma da crise política e de eleições antecipadas, se PSD e CDS não renovarem o mandato.

  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.