sicnot

Perfil

Novo Governo

As reações dos líderes partidários à sondagem SIC/Expresso

As reações dos líderes partidários à sondagem SIC/Expresso

Nas reações à mais recente sondagem feita para a SIC e para o Expresso antes das eleições legislativas, os líderes partidários afirmam que o que conta são os resultados de domingo. Se António costa diz que sente, nas ruas, o eleitorado a favor do PS, também Pedro Passos Coelho diz que esta sondagem traduz a impressão positiva que tem tido no contacto com os eleitores.

  • Sondagem dá vitória à coligação a três dias das eleições
    2:49

    Novo Governo

    Se as eleições fossem hoje a coligação Portugal à Frente seria a vencedora, com cinco pontos de avanço sobre o partido socialista. É este o resultado da última grande sondagem feita para a SIC e para o Expresso antes das legislativas do próximo domingo. PSD e CDS conseguem mais votos e mais deputados, mas não conseguem a maioria absoluta.

  • Marinho e Pinto diz que sondagens privilegiam partidos do sistema
    0:38

    Novo Governo

    Na reação à sondagem feita para a SIC e para o Expresso antes das eleições legislativas, Rui Tavares, do partido Livre/Tempo de Avançar, disse, sem comentar diretamente os resultados, que tem sentido um descontentamento geral para com os partidos tradicionais. Já Marinho e Pinto, do PDR, afirma que as sondagens são feitas para privilegiar os partidos do sistema.

  • Lei que permite a entrada de animais em espaços de restauração gera dúvidas
    2:23

    País

    A lei que permite a entrada de animais de companhia em estabelecimentos de restauração, que entrou hoje em vigor, está a gerar dúvidas para os proprietários. Até ao momento são poucos os estabelecimentos que aderiram e a previsão é para que assim continue. A DECO questionou 1800 pessoas sobre a presença dos animais nos restaurantes e apenas 25% votou a favor.

  • Trump arrasa restaurante que expulsou a sua assessora de imprensa

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Donald Trump, arrasou um restaurante da Virgínia que recusou servir a sua assessora de imprensa, Sarah Huckabee Sanders, escrevendo na sua conta de Twitter que o restaurante se devia concentrar na limpeza dos seus toldos e portas "imundos".