sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

JPP diz que continuam a ser os mesmos a ganhar e a controlar

O cabeça de lista por Lisboa do Juntos Pelo Povo (JPP), Nuno Moreira, lamentou hoje que as eleições tenham demonstrado "que, mais uma vez, os mesmos continuam a ganhar e a controlar".

Lusa

Com uma votação provisória de 0,27 por cento, quando faltam apurar 17 freguesias, Nuno Moreira comentou que os resultados são "apenas o início de um trabalho de continuidade", com a consciência que o seu partido fez "o melhor trabalho possível".

No balanço destas legislativas o responsável deixou ainda críticas à comunicação social, referindo que a mesma "não dá um tratamento igual aos partidos".

Mais de 9,6 milhões de eleitores foram hoje chamados a votar para a escolha de 230 deputados à Assembleia da República, resultado que ditará também a escolha de um futuro Governo.

A estas eleições, concorrem 16 forças políticas, das quais três são coligações e as restantes 13 partidos.

Nas coligações, contam-se a Coligação Democrática Unitária (CDU), que junta PCP e PEV, a coligação Portugal à Frente, com PSD e CDS-PP e a coligação Agir, que alia o Movimento Alternativa Socialista (MAS) ao Partido Trabalhista Português (PTP).

Os partidos políticos são o Partido Socialista (PS), Bloco de Esquerda (BE), Livre/Tempo de Avançar, Juntos pelo Povo (JPP), Nós, Cidadãos! (NC), Portugal pro vida, Cidadania e Democracia Cristã (PPV/CDC), Partido da Terra (MPT), Partido Democrático Republicano (PDR), Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses (PCTP/MRPP), Partido Nacional Renovador (PNR), Partido Unitário dos Reformados Portugueses (PURP), Partido Popular Monárquico (PPM) e Pessoas-Animais-Natureza (PAN).

Lusa

  • "Não podemos fazer de Lisboa uma cidade para turistas"
    2:44

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no Jornal da Noite da SIC, o mandato de Fernando Medina na Câmara de Lisboa. O comentador da SIC defendeu que o autarca tem "muitos problemas por resolver" e que a Câmara tem investido "mais na recuperação de zonas em que os lisboetas praticamente não conseguem ir". Sousa Tavares disse ainda que Lisboa não pode ser uma cidade para turistas.

    Miguel Sousa Tavares

  • "Putin é uma ameaça maior do que o Daesh"
    0:24

    Mundo

    O senador norte-americano John McCain atacou Vladimir Putin dizendo que é uma ameaça maior do que o Daesh. O antigo candidato à Casa Branca acusa a Rússia de querer destruir a democracia ao tentar manipular o resultado das presidenciais dos Estados Unidos.

  • "É muito importante ceder à tentação de se abolir a liberdade"
    1:06