sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

Álvaro Beleza vai pedir primárias no PS após presidenciais

O dirigente socialista Álvaro Beleza vai pedir na Comissão Política Nacional de hoje do partido a marcação de eleições primárias no PS a realizarem-se a seguir às eleições presidenciais, porque tem de haver uma "clarificação" da liderança do partido.

Em declarações à agência Lusa, Álvaro Beleza, que integrou a direção do PS de António José Seguro e foi um dos responsáveis pela transição entre essa liderança e a de António Costa, vincou que é necessária uma "clarificação interna" sobre a liderança do PS a ter depois das eleições presidenciais de janeiro de 2016, e às quais concorrem dois nomes da área política do PS: Maria de Belém e Sampaio da Nóvoa.

De todo o modo, acrescenta o socialista, António Costa, ao não demitir-se no domingo após a derrota nas legislativas, indicia que se irá recandidatar à liderança do partido, mas, advoga Beleza, do mesmo modo que Costa chegou à liderança do PS através de primárias o mesmo método deveria ser agora aplicado.

"O secretário-geral do PS é sempre um possível primeiro-ministro", sustenta Beleza, recordando o facto de as primárias de 2014 terem sido para escolher o candidato socialista a primeiro-ministro e não o secretário-geral do partido.

Costa, prossegue o antigo membro da direção de Seguro, deve ser "coerente", e portanto a "legitimação" da liderança do PS "tem de ser feita no mesmo tipo de eleição" com que o antigo presidente da Câmara de Lisboa chegou ao poder no partido.

"O secretário-geral é sempre um potencial primeiro-ministro e ainda mais neste quadro de direita minoritária", insistiu Beleza.

A clarificação interna deve ser "serena" e "racional", acrescenta ainda, mas o PS, partido "charneira" da estabilidade, deve estar pronto para o "quadro de alguma instabilidade" que o parlamento viverá com uma maioria de centro-direita minoritária.

"A clarificação interna deve ser feita depois das presidenciais. Não vamos agora criar aqui ruído porque já estamos a correr atrás do prejuízo", prosseguiu o dirigente socialista.

Álvaro Beleza diz ainda rever-se integralmente nas declarações de hoje de Francisco Assis à Lusa, com o eurodeputado a considerar, por exemplo, que qualquer discussão sobre a liderança do PS é "extemporânea" e o mais importante é garantir a eleição de um Presidente da República oriundo do espaço político deste partido.

Francisco Assis declarou ainda que o PS deve assumir a liderança da oposição ao Governo PSD/CDS-PP, nunca se subjugando a chantagens, mas deve ser sensível às "legítimas" preocupações de estabilidade política.

Álvaro Beleza é um dos socialistas que estará na Comissão Política Nacional do partido agendada para as 21:30 de hoje.

A reunião segue-se às legislativas de domingo, que a coligação Portugal à Frente (PSD/CDS-PP) venceu as eleições com 38,55% (104 deputados), com o PS a conseguir 32,38% (85 deputados).

Beleza diz que não se sentia bem na sua "consciência" se não levasse adiante a questão da clarificação interna, e sublinhou que "se ninguém aparecer" em melhores condições de disputar a liderança, "não foge", apesar de tal desígnio não ser uma "missão de uma vida".

O socialista lembrou que António José Seguro "foi apeado" depois de vencer duas eleições, autárquicas e europeias, ao passo que o atual secretário-geral perdeu as legislativas disputadas no domingo.

Logo após o sufrágio, Beleza havia pedido uma discussão interna e uma comissão política, acrescentou, é "poucochinho" para o momento.

António Costa vai convocar hoje um congresso para definir a questão da liderança e da estratégia partidária após as eleições.

Fonte oficial do PS referiu à agência Lusa na segunda-feira que na reunião da Comissão Política, além da marcação de diretas para o cargo de secretário-geral, seguidas por um congresso nacional, o Secretariado Nacional, o órgão de direção executiva dos socialistas, também poderá avançar com a convocação de congressos nas federações (as estruturas distritais).

Lusa

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartindo de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Gémeas siamesas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC