sicnot

Perfil

Novo Governo

Passos informou Cavaco das diligências feitas para criar "condições de governabilidade"

Passos informou Cavaco das diligências feitas para criar "condições de governabilidade"

O líder do PSD foi esta manhã ao Palácio de Belém para informar o Presidente da República das diligências feitas para criar condições de governabilidade. À saída, Passos Coelho sublinhou que compete ao chefe de Estado indigitar o primeiro-ministro de acordo com a sua "avaliação e julgamento".

O encontro com Pedro Passos Coelho foi o primeiro dos vários que Cavaco Silva vai manter com os partidos representados no Parlamento.

Amanhã recebe o PSD, o PS, o Bloco de Esquerda e o CDS. Na quarta-feira é a vez do Presidente ouvir o PCP, os Verdes e o PAN.

Quanto ao encontro desta manhã, Passos Coelho terá comunicado ao Presidente que ainda não há acordo com o PS.

Dois dias depois das eleições, Cavaco Silva chamou Passos a Belém e pediu-lhe para constituir um governo estável. As negociaçõe entraram num impasse, o que faz crescer a expectativa sobre a decisão do Presidente.

Esta manhã chegou a ser noticiado que Cavaco Silva teria decidido indigitar Passos Coelho como primeiro-ministro. Mas a Presidência da República já garantiu que a decisão ainda não está tomada.

  • Atacantes de Barcelona "não estão a caminho da nossa fronteira"
    7:00

    Ataque em Barcelona

    O diretor da Unidade Nacional de Contraterrorismo da Polícia Judiciária esteve esta sexta-feira no Jornal da Noite para falar sobre o duplo atentado em Espanha. Luís Neves diz que o nível de ameaça em Portugal, perante os ataques, não foi alterado porque "não se detectou que tenha existido informação que possa colocar o nosso território em perigo".