sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

"Os Verdes" criticam executivo e insistem em moção de rejeição

O partido "Os Verdes" lamentou hoje a "vontade" de PSD e CDS-PP em prosseguirem a "lógica política" dos últimos quatro anos com o novo governo, reiterando os ecologistas a defesa de uma moção de rejeição ao programa do Governo.

JOSE SENA GOULAO

"Os Verdes consideram que a constituição do Governo proposta por Pedro Passos Coelho demonstra uma efetiva vontade de continuação de toda a lógica política prosseguida nos últimos quatro anos. A generalidade dos ministros mantém-se e aqueles cujo nome é proposto pela primeira vez garantem a continuidade dessas políticas", diz o partido - que concorreu às legislativas coligado com o PCP - em nota enviada às redações.

A nota do partido "Os Verdes" surge depois de o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, ter dado hoje o seu acordo à proposta de constituição do XX Governo Constitucional apresentada pelo primeiro-ministro indigitado, Pedro Passos Coelho, estando a tomada de posse marcada para sexta-feira às 12:00.

Para os ecologistas, e apesar do anúncio da composição do Governo e da sua tomada de posse, a Assembleia da República terá da parte de "Os Verdes" o apoio para uma moção de rejeição ao programa do Governo, "confirmando a coerência" do partido "relativamente à rejeição de políticas cruéis para o país e dando expressão aos resultados das últimas eleições legislativas".

"Os Verdes" salientam ainda a proposta de continuação de Jorge Moreira da Silva à frente do Ministério do Ambiente, assinalando que o social-democrata "acentuou uma diretriz na política do ambiente virada para o serviço aos grandes grupos económicos e conviveu bem com o desinvestimento público na área do ambiente".

No novo executivo, composto por 16 ministros, há oito repetentes e oito novos ministros, sendo as 'caras novas' João Calvão da Silva, para a Administração Interna, Fernando Negrão, para a Justiça, Miguel Morais Leitão, para a Economia, Fernando Leal da Costa, para a Saúde, Margarida Mano, para a Educação e Ciência, Rui Melo Medeiros, para a Modernização Administrativa, Teresa Morais, para a Cultura, Igualdade e Cidadania, e Carlos Costa Neves, para os Assuntos Parlamentares.

Lusa

  • Governo admite subir preço da água para promover a poupança
    3:48

    Economia

    O Governo admite aumentar o preço da água para promover a poupança, numa altura em que o país está em seca extrema. Contudo, a eficácia da medida está comprometida pelo menos no imediato. Qualquer mexida no preço só poderá acontecer em 2019 porque as tarifas do próximo ano já estão decididas.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • Cobra encontrada em comboio na Indonésia
    0:26

    Mundo

    Um passageiro usou as próprias mãos para retirar uma cobra que estava dentro de um comboio em Jacarta, na Indonésia. O vídeo foi gravado por um passageiro na passada terça-feira, 21 de novembro. A cobra estava na parte de cima da carruagem. Algumas testemunhas dizem que o réptil escapou da bagagem de um dos passageiros.

  • Pense bem antes de beijar um colega

    Mundo

    O tribunal da província espanhola de Huesca aceitou o pedido de indemnização de uma mulher que foi vítima de assédio sexual por parte de um colega de trabalho. A mulher terá pedido boleia ao colega que, dentro do carro, lhe passou a mão pelas pernas, mas não ficou por aí.

    SIC