sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

PS salienta que só viabiliza governo que cumpra regras orçamentais

O PS emitiu hoje um comunicado em que se pretende assegurar que um acordo de Governo entre socialistas, Bloco de Esquerda, PCP e Verdes terá como base um programa que cumprirá as regras orçamentais de Portugal. Mas, para já, vai centrar-se na apreciação da proposta do executivo indigitado

MANUEL DE ALMEIDA

Este comunicado difundido pelo Gabinete de Imprensa do PS surge na sequência da publicação em vários órgãos de comunicação social com estimativas orçamentais caso medidas como o aumento do salário mínimo ou a reposição em 2016 dos salários dos trabalhadores do setor público façam parte de um acordo programático entre PS, Bloco de Esquerda, PCP e PEV:

"Face a notícias que têm vindo a público acerca das implicações orçamentais do acordo entre o PS, BE, PCP e PEV, o PS reafirma que as regras orçamentais serão cumpridas. O PS reafirma que apenas viabilizará um Governo que garanta o cumprimento das obrigações do país em termos orçamentais".

No mesmo texto, refere-se porém que, "no atual momento, o PS entende que o processo político deverá centrar-se" na apreciação da proposta de programa do Governo indigitado PSD/CDS "e nas consequências económicas e sociais para o país que decorrem das medidas nele contidas".

"O PS considera fundamental que o Governo PSD/CDS apresente uma avaliação do impacto das medidas do seu programa, sem o qual não é possível avaliar a sua consistência com o cumprimento dos compromissos orçamentais", contrapõe-se no comunicado dos socialistas.

Com Lusa

  • Costa de Metro de Odivelas para Lisboa para relembrar corrida entre burro e Ferrari
    2:55

    Autárquicas 2017

    António Costa começou hoje o dia de campanha em Odivelas, para uma viagem de Metro até Lisboa, em que recordou a célebre corrida entre um burro e um Ferrari que protagonizou em 1993 quando foi canditado do PS à Câmara de Loures. Foi nesta cidade, onde ontem à noite, que desferiu um violento ataque a Pedro Passos Coelho, acusando-o de transformar o PSD num partido que não é digno de um Estado democrático.

  • O aeroporto de Beja, um "elefante branco" na planície alentejana
    4:33
  • Paciente há 15 anos em estado vegetativo consegue seguir objetos e mexer a cabeça

    Mundo

    Um homem de 35 anos, que ficou em estado vegetativo após um acidente de viação há 15 anos, deu sinais de consciência depois de lhe ter sido aplicada uma nova técnica de estimulação nervosa. Cirurgiões implantaram no paciente um pequeno aparelho que estimula o nervo vago, responsável pela ligação nervosa entre o cérebro e o resto do corpo. A intervenção aconteceu em França e a descoberta foi publicada na revista científica Current Biology.