sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

Ministra diz que atestados médicos de professores estão em averiguação

A ministra da Educação, Margarida Mano, disse hoje que está em curso um processo de averiguações para comprovar alegadas irregularidades em atestados médicos de professores.

O Diário de Notícias (DN) avançou hoje que médicos e professores estão a ser investigados por atestados fraudulentos, usados para não serem colocados em escolas longe da residência.

Em declarações aos jornalistas, em Lisboa, a ministra disse não dispor de números sobre a dimensão deste caso, alegando que está em curso um processo para verificar se há ou não irregularidades.

O trabalho, acrescentou, está a ser desenvolvido em articulação com outras entidades, nomeadamente a Ordem dos Médicos.

Segundo o DN, só em Bragança foram passados 360 atestados a professores, dezenas dos quais assinados por uma médica de nacionalidade espanhola.

"É uma situação que foi identificada de várias formas e o ministério está a fazer a verificação e validação para, em conjunto com outros organismos, comprovar qual é a situação", declarou a ministra, indicando apenas que o processo seguirá os trâmites normais.

"Tem de se verificar se há alguma situação irregular ou não", frisou, sem dar pormenores sobre a forma como está a decorrer a ação.

De acordo com o jornal, a Ordem dos Médicos está também a investigar.

Margarida Mano falava no final de uma conferência dedicada ao Plano Nacional de Leitura, na Fundação Calouste Gulbenkian, em que assumiu ter como livros de referência "As Palavras", de Jean-Paul Sartre (uma autobiografia) e uma coletânea de textos de Pessoa, "Organizem-se, a Gestão segundo Fernando Pessoa".

Lusa

  • Pontos essenciais do programa do Governo

    Novo Governo

    O executivo deixou cair o plafonamento das pensões e admitiu aumentar o salário mínimo, bem como reduzir mais rapidamente a sobretaxa no programa do Governo divulgado hoje, procurando "abrir espaço para gerar compromissos" com a esquerda. No programa do Governo, aprovado na quinta-feira em Conselho de Ministros e entregue hoje na Assembleia da República, o executivo liderado por Pedro Passos Coelho apresenta várias medidas já previstas no programa eleitoral da coligação PSD/CDS-PP, mas deixa cair outras e introduz novas para se aproximar das propostas do PS.

  • PCP anuncia acordo para governo PS

    Novo Governo

    O PCP anunciou esta tarde que estão reunidas as condições para "assegurar um governo da iniciativa do PS" e "uma solução duradoura". O Bloco de Esquerda também já tinha revelado acordo com os socialistas. Hoje à noite, o líder do PS explica os contornos do entendimento numa entrevista exclusiva na SIC.

  • Incêndios em Portugal - um mês depois
    9:10

    Reportagem Especial

    Regressar a casa para refazer a vida é tudo o que querem as famílias a quem o fogo levou quase tudo, há cerca de um mês. Contudo, esse regresso não tem sido fácil. Depois dos incêndios, famílias e empresas ainda têm de vencer as burocracias. A Reportagem Especial deste sábado regressa a Seia, onde arderam mais de 70 casas de primeira habitação e onde a vida de muitos parece ter entrado num impasse.

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.