sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

Pormenores do acordo com PS só após aprovação por outros partidos, diz o BE

O Bloco de Esquerda (BE) disse hoje à agência Lusa que os pormenores sobre o acordo com o PS só vão ser tornados públicos depois de os outros partidos em conversações aprovarem o documento nas respetivas direções.

"O acordo só será público depois de os outros partidos aprovarem nas respetivas direções, pelo que, para já não, iremos comentar mais nada", respondeu à Lusa fonte do partido, depois de questionada sobre os pormenores das negociações com o PS.

O BE anunciou hoje de madrugada na sua página oficial a conclusão das negociações com o PS para a formação de uma alternativa de Governo, considerando que estão criadas as condições para um acordo à esquerda.

Este anúncio foi feito através de uma breve publicação, intitulada "Bloco concluiu negociações com PS", com o seguinte conteúdo: "A Comissão Política do Bloco de Esquerda aprovou na noite de quinta-feira o documento de trabalho resultante das negociações do Bloco com o Partido Socialista".

No mesmo texto, colocado no 'site' esquerda.net, pode ler-se: "A Comissão Política congratula-se com este resultado. Pela parte do Bloco, as negociações com o PS estão concluídas e estão reunidas as condições para um acordo à esquerda pela proteção do emprego, dos salários e das pensões".

O mesmo anúncio foi feito, por volta da 01:00, no Twitter, pela porta-voz do BE, Catarina Martins, que na sua conta oficial nesta rede social remeteu para a curta declaração colocada no 'site' deste partido.

Além da assessoria do BE, a Lusa contatou as dirigentes bloquistas Catarina Martins e Mariana Mortágua, mas sem obter resposta.

A Lusa pediu também uma posição do Partido Socialista, mas a assessoria de António Costa remeteu esclarecimentos para uma entrevista que o secretário-geral socialista dará hoje ao Jornal da Noite da SIC.

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lajes
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes.

  • Óscar do turismo para empresa que gere património de Sintra
    1:51

    Cultura

    A Parques de Sintra ganhou, pelo quarto ano consecutivo, os World Travel Awards na categoria de "Melhor Empresa de Conservação do Mundo". A empresa portuguesa, que gere monumentos, parques e jardins situados na zona da Paisagem Cultural de Sintra e em Queluz, voltou a ser a única nomeada europeia na categoria, e foi a vencedora entre candidatos de todo o mundo.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.