sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

Presidente só decide sobre futuro governo após viagem à Madeira

O Presidente da República vai começar a ouvir os parceiros sociais esta quinta-feira, de manhã, dois dias depois da aprovação da moção de rejeição do programa do XX Governo Constitucional. Mas Cavaco Silva só vai tomar uma decisão sobre o futuro exexutivo depois de regressar de uma viagem à Madeira, agendada para o princípio da próxima semana.

TIAGO PETINGA

Cavaco Silva mantém em agenda esta deslocação, sem manifestar desta forma sinais de pressa em decidir se dá posse a um executivo socialista ou se opta por um governo de gestão.

As audiências de amanhã vão realizar-se a partir das 10:00 no Palácio de Belém, segundo fonte oficial citada pela Lusa.

Esta tarde, pelas 15:45, o Chefe de Estado vai receber o presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues.

De acordo com uma nota enviada à Lusa, na audiência o presidente da Assembleia da República "comunicará pessoalmente ao Presidente da República a rejeição do programa do XX Governo Constitucional [PSD/CDS], dando assim cumprimento quer ao número 6 do artigo 217 do Regimento da Assembleia da República, quer ao disposto no artigo 195 da Constituição da República Portuguesa (a demissão do Governo)".

Quarenta e cinco minutos depois, pelas 16:30, Cavaco Silva recebe o primeiro-ministro para a habitual reunião semanal, um dia depois de o seu Governo ter sido derrubado pelo parlamento.

A moção de rejeição do PS ao Programa do XX Governo Constitucional foi aprovada na terça-feira com 123 votos favoráveis de socialistas, BE, PCP, PEV e PAN, o que implicou a demissão do executivo PSD/CDS-PP.

Com Lusa

  • País à espera de Cavaco Silva
    2:03

    Novo Governo

    Está tudo à espera de Cavaco Silva. O Presidente da República vai decidir qual é o próximo passo para a viabilidade governativa do país, depois da queda do executico da coligação PSD-CDS. Cavaco Silva recebe hoje em Belém o presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues e logo depois o ainda primeiro-ministro Pedro Passos Coelho. Uma agenda carregada para os próximos dias como conta o repórter da SIC, Pedro Benevides.

  • PSD e CDS assinalam 36º aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro
    1:38

    País

    O presidente do PSD deixou críticas ao Partido Comunista, este domingo, a propósito do aniversário da morte de Francisco Sá Carneiro. Pedro Passos Coelho lembrou os festejos dos comunistas na altura, numa resposta a quem questionou a abstenção dos sociais-democratas ao voto de pesar a Fidel Castro, que o PCP levou ao Parlamento. Este domingo, tanto o PSD como o CDS-PP prestaram homenagem a Sá Carneiro e Adelino Amaro da Costa.