sicnot

Perfil

Novo Governo

Arménio Carlos diz que concertação não pode servir de espaço de bloqueio

Arménio Carlos diz que concertação não pode servir de espaço de bloqueio

A CGTP foi hoje recebida pelo PS, num encontro na Assembleia da República para discutir as questões laborais e o salário mínimo nacional, remas que podem e devem ser discutidos na concertação social mas também e sobretudo no Parlamento, centro da democracia. Arménio Carlos diz mesmo que a concertação social não pode ser um espaço de bloqueio ou de pressão em resposta às criticas do presidente da CIP.

  • Patrões não aceitam esvaziamento da concertação social
    2:30

    Economia

    Os patrões estão contra a proposta da esquerda de aumentar o salário mínimo nacional para 600 euros. E foi isto que disseram esta manhã ao Presidente da república que começou a ouvir os parceiros sociais. A Confederação da Indústria (CIP) admite mesmo que o aumento salarial pode levar a despedimentos.

  • Acordo da esquerda é tentativa de esvaziar concertação social, acusa CIP
    0:46

    Novo Governo

    O presidente da Confederação Empresarial de Portugal (CIP) considera que o acordo assinado pela esquerda é uma tentativa de esvaziar a concertação social e avisa que não vão permitir que isso aconteça. Após a audiência com o Presidente da República, António Saraiva acusou diretamente a CGTP de estar a pôr em causa da estabilidade do país.

  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.