sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

Eurogrupo conta com garantias deixadas por António Costa

O Eurogrupo aguarda a formação do novo Governo português para começar um trabalho conjunto, e conta com as garantias dadas pelo líder do PS relativamente ao cumprimento dos compromissos europeus, disse à Lusa o porta-voz de Jeroen Dijsselbloem.

SERGIO AZENHA

No dia em que o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, indigitou António Costa como primeiro-ministro, Michel Reijns, em resposta à agência Lusa, apontou que, "tal como o presidente do Eurogrupo disse ontem [segunda-feira], os resultados de eleições nunca são um problema" e "o Eurogrupo aguarda a formação do novo Governo, com o qual vai trabalhar de perto".

"O líder do Partido Socialista disse anteriormente que irá cumprir os compromissos europeus e nós contamos com isso", assinalou o porta-voz do presidente do fórum de ministros das Finanças da zona euro.

Cavaco Silva indigitou hoje o secretário-geral do PS, António Costa, como primeiro-ministro, depois de na segunda-feira lhe ter pedido esclarecimentos, a que o líder socialista respondeu por escrito.

O Presidente da República pediu para serem clarificadas seis questões, entre as quais o "cumprimento das regras de disciplina orçamental aplicadas a todos os países da Zona Euro e subscritas pelo Estado Português, nomeadamente as que resultam do Pacto de Estabilidade e Crescimento, do Tratado Orçamental, do Mecanismo Europeu de Estabilidade e da participação de Portugal na União Económica e Monetária e na União Bancária".

"O esclarecimento destas questões é tanto mais decisivo quanto a continuidade de um Governo exclusivamente integrado pelo Partido Socialista dependerá do apoio parlamentar das forças partidárias com as quais subscreveu os documentos intitulados "Posição Conjunta sobre situação política' e quanto os desafios da sustentabilidade da recuperação económica, da criação de emprego e da garantia de financiamento do Estado e da economia se manterão ao longo de toda a XIII legislatura", referia ainda o documento.

Contactada pela Lusa, a Comissão Europeia remeteu uma reação à indigitação de António Costa como primeiro-ministro para quando o novo Governo por si liderado tomar posse.

Lusa

  • Primeiro-ministro hoje na cidade da Praia 

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, está hoje em Cabo Verde para a a IV cimeira bilateral entre Portugal e aquele país africano, aproveitando a passagem pela cidade da Praia para inaugurar a escola portuguesa.

  • Deputados britânicos debatem hoje petição que desvaloriza visita de Donald Trump

    Mundo

    Os deputados britânicos debatem hoje uma petição que reclama que a futura visita de Estado do Presidente norte-americano, Donald Trump, seja reduzida a uma visita oficial, enquanto dezenas de milhares de pessoas se manifestam sobre o mesmo assunto. Dezenas de milhares de pessoas são esperadas hoje nas ruas de várias cidades do Reino Unido, em protestos organizados para coincidir com a discussão no parlamento (na Câmara dos Comuns) de uma petição 'online' que já tem quase dois milhões de subscritores.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Matteo Renzi demite-se da liderança do Partido Democrático

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro italiano Matteo Renzi demitiu-se hoje da liderança do Partido Democrata (PD), uma decisão que faz parte de uma estratégia para retomar o controlo da formação de centro-esquerda, onde uma minoria mais à esquerda ameaça cindir-se.