sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

Reformados avisam Governo que se não cumprir promessas vão exigir a demissão

A Confederação Nacional de Reformados, Pensionistas e Idosos (MURPI) avisou hoje o Governo socialista que, caso não cumpra as promessas feitas, nomeadamente em relação a este setor, vai para a rua protestar e exigir a sua demissão.

LUSA

"Se não cumprir as promessas que divulgou, é evidente que corre o risco de não ter condições para governar. Iremos lutar e exigir, caso não sejam cumpridas essas promessas, a demissão deste Governo, obviamente", afirmou o presidente desta confederação.

Em declarações à agência Lusa, após a realização do oitavo congresso nacional do MURPI, que decorreu hoje em Lisboa, Casimiro Menezes notou que "houve uma viragem" com a queda do Governo PSD/CDS-PP, mas alertou que os reformados, pensionistas e idosos "não vão abdicar do protesto e de ações de rua" para reivindicarem as suas exigências.

Casimiro Menezes acalenta, contudo, em relação ao novo Governo liderado por António Costa, que tem o apoio dos restantes partidos de esquerda, a esperança de que venha a governar com medidas que vão ao encontro do setor dos reformados, mas também ao resto da população que se viram "prejudicados nos últimos quatro anos".

A demissão do Governo PSD/CDS-PP foi para o MURPI, só por si, "uma conquista".

Realizou-se hoje, no Fórum Lisboa, mais um congresso nacional do MURPI com a presença de centenas de reformados e pensionistas de norte a sul do país.

"Este 8.º congresso é a prova da vitalidade e da necessidade de afirmação desta confederação, que já vai para quase 40 anos de existência e que congrega mais de 150 associações de reformados, pensionistas e idosos, que maioritariamente marcaram presença neste congresso", destacou o presidente do MURPI.

O congresso serviu, nomeadamente, para eleger os novos corpos sociais e para aprovar um documento com um conjunto de 18 medidas consideradas "importantes" pelos reformados.

"Que vão desde a área da saúde, das pensões, da mobilidade, da habitação até a espetos culturais da vida das associações dos reformados", concluiu Casimiro Menezes.

Lusa

  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Exército sírio declara Damasco "totalmente segura"

    Mundo

    O exército sírio proclamou esta segunda-feira a capital Damasco e também os arredores, como locais "totalmente seguros". O anúncio foi feito em clima de festa, depois de os militares terem reconquistado os bairros do sul da cidade, até agora nas mãos do Daesh.