sicnot

Perfil

Liga Europa

Liga Europa

Liga Europa 2015/2016

UEFA instaura inquérito disciplinar ao Lokomotiv por conduta racista dos adeptos

A UEFA anunciou esta segunda-feira que abriu um inquérito disciplinar ao Lokomotiv Moscovo na sequência de comportamentos racistas dos adeptos na vitória diante do Skenderbeu (2-0), na fase de grupos da Liga Europa de futebol.

O Lokomotiv corre o risco de ser castigado pela UEFA, sendo que a próxima partida em casa frente ao Besiktas, poderá realizar-se sem a presença de adeptos russos nas bancadas.

O Lokomotiv corre o risco de ser castigado pela UEFA, sendo que a próxima partida em casa frente ao Besiktas, poderá realizar-se sem a presença de adeptos russos nas bancadas.

© Maxim Shemetov / Reuters

O Lokomotiv, líder do grupo H, do qual faz parte o Sporting, corre o risco de ser castigado pela UEFA, sendo que a próxima partida em casa frente ao Besiktas, poderá realizar-se sem a presença de adeptos russos nas bancadas.

A UEFA vai decidir a 15 de outubro que que medidas tomará em relação ao Lokomotiv, no qual alinha o internacional português Manuel Fernandes.

Lusa

  • Cachalote-pigmeu morreu pouco tempo depois de dar à costa em Lisboa
    1:13
  • Presidente da República apoia reforma "quanto antes" do Tribunal de Contas
    1:13

    País

    O Presidente da República defendeu esta manhã uma reforma do Tribunal de Contas para que se adeque a lei que prevê o controlo das entidades públicas. Para Marcelo Rebelo de Sousa, se a lei der melhores meios de controlo e for de mais rápida aplicação, vai dissuadir casos de má gestão de dinheiros públicos que acabam por resultar em crimes.

  • PSD compara SNS a um "cenário de guerra", Centeno desdramatiza
    2:44

    Economia

    O ministro das Finanças esteve esta amanhã no Parlamento e voltou a não comprometer-se com aumentos salariais na função pública no próximo ano. Deu mesmo a entender que a medida não é prioritária. A discussão passou também pelo Serviço Nacional de Saúde. Centeno desdramatizou as carências mas o PSD comparou o que s passa a um cenário de guerra.