sicnot

Perfil

Liga Europa

Liga Europa

Liga Europa 2015/2016

Sá Pinto quer Belenenses "destemido e ambicioso" frente ao Basileia

O treinador do Belenenses afirmou esta quarta-feira que os 'azuis' terão de ser "destemidos e ambiciosos" diante do Basileia e revelou que seria um "sonho" terminar a quarta jornada na liderança do grupo I da Liga Europa de futebol.

O técnico referiu que o Belenenses vai procurar "explorar os pontos menos fortes do adversário", embora frisando que os helvéticos vão estar "mais alerta", devido ao desaire de há duas semanas.

O técnico referiu que o Belenenses vai procurar "explorar os pontos menos fortes do adversário", embora frisando que os helvéticos vão estar "mais alerta", devido ao desaire de há duas semanas.

Tiago Petinga / Lusa

Contudo, Ricardo Sá Pinto, que fazia a antevisão da partida de quinta-feira, marcada para o Estádio do Restelo, disse esperar um "Basileia mais forte" do que no primeiro jogo, que terminou com o triunfo (2-1) do conjunto do Restelo na Suíça.

"Têm a final da Liga Europa em sua casa, estão muito motivados e querem mudar o resultado do último jogo. É um adversário poderoso, enquanto nós estamos a ir além das expetativas. Espero que a equipa esteja ao nível do último jogo e que seja destemida e ambiciosa", antecipou, em conferência de imprensa.

O técnico referiu que o Belenenses vai procurar "explorar os pontos menos fortes do adversário", embora frisando que os helvéticos vão estar "mais alerta", devido ao desaire de há duas semanas.

"É uma oportunidade única para fazermos história. Não temos responsabilidade de ganhar e passar, mas temos de acreditar que conseguimos ganhar a qualquer adversário. Os jogadores têm de entrar muito concentrados e acreditar que podem fazer história", salientou.

Em caso de vitória sobre o atual líder do grupo, os 'azuis' podem ascender ao primeiro lugar, algo que, segundo Sá Pinto, seria um "sonho".

"Nem sei como apelidaria esse momento. Não faz mal sonhar com coisas boas, mas estamos focados em fazer um bom jogo e obter um bom resultado", adiantou, antes de garantir que os objetivos não foram redefinidos e que o Belenenses vai "tentar ir o mais longe possível" na prova.

Por seu lado, o defesa João Amorim admitiu que "o favoritismo está do lado do Basileia" e frisou que a derrota de sábado, frente ao Sporting de Braga (4-0), para o campeonato, não terá qualquer influência na partida europeia.

"Não influenciou de forma nenhuma, já passou, valeu apenas três pontos. Amanhã [quinta-feira] temos um encontro em que podemos dar a volta. Queremos ganhar todos os jogos, por mais difícil que seja o adversário, e é com essa vontade que vamos entrar", afirmou o lateral-direito.

Belenenses, terceiro classificado com quatro pontos, e Basileia, líder com seis, jogam na quinta-feira, a partir das 20:05 (hora portuguesa), no Estádio do Restelo, num encontro que será dirigido pelo árbitro Tamás Bognar, da Hungria.

Lusa

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.