sicnot

Perfil

Liga Europa

Liga Europa

Liga Europa 2014/2015

Villas-Boas confiante na inversão da eliminatória frente ao Sevilha

O português André Villas-Boas disse esta quarta-feira acreditar numa vitória do Zenit de São Petersburgo sobre o Sevilha, no jogo da segunda mão dos quartos de final da Liga Europa em futebol, que permita o apuramento para as 'meias'.

ANATOLY MALTSEV / Lusa

Apesar do 2-1 desfavorável no jogo da primeira mão, em Sevilha, o treinador português espera um jogo diferente do da semana passada, até porque o Zenit irá poder contar com quatro habituais titulares que não atuaram no primeiro jogo, como o português Danny, o italiano Criscito, o russo Smólnikov e o brasileiro ex-FC Porto Hulk.

"Estamos vivos e queremos marcar presença nas meias-finais. Este vai ser um jogo diferente do da primeira mão. Temos que jogar ao ataque, sabendo também que o Sevilha tem grandes potencialidades ofensivas", afirmou o treinador português na conferência de imprensa de antevisão ao jogo. 

Por sua vez, o técnico do Sevilha Unai Emery mostrou grande vontade em disputar um jogo numa competição que considera "especial" para o clube e que por isso todos vão estar focados em conseguir, uma vez mais, o apuramento para as meias-finais.

"Conseguimos já um primeiro objetivo, que era ganhar, mas o segundo, que passava por não sofrer golos, não conseguimos. Estou preparado, caso seja necessário, para um prolongamento frente a uma equipa recheada de internacionais e com um grande treinador", disse.

Do lado dos campeões em título, o português Beto, afastado dos últimos jogos devido a lesão, recuperou e está disponível para o jogo, mas o treinador espanhol não garante a titularidade do guardião luso, assegurando que "jogue quem jogar a baliza estará bem coberta".

O jogo entre o Zenit de São Petersburgo e o Sevilha disputa-se na quinta-feira, às 20:05 (hora de Portugal), no Estádio Petrovsky.
Lusa
  • Economia portuguesa a crescer
    2:26
  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Embaixador do Bangladesh pede ajuda aos portugueses no caso dos rohingya

    Mundo

    O embaixador do Bangladesh em Lisboa pediu esta sexta-feira aos portugueses que ajudem a resolver o problema dos rohingya. Desde o final de agosto, mais de 400 mil pessoas desta minoria muçulmana fugiram de Myanmar, a antiga Birmânia. O Bangladesh já tinha acolhido outros 400 mil refugiados e vê-se agora a braços com esta crise migratória. Pede por isso a Portugal que pressione Myanmar para aceitar de volta e em segurança os rohingya.