sicnot

Perfil

Marcelo sucede a Cavaco

Marcelo cumpriu a tradição e visitou o Mosteiro de Jerónimos

Marcelo cumpriu a tradição e visitou o Mosteiro de Jerónimos

O novo Presidente cumpriu a tradição e visitou o Mosteiro dos Jerónimos, logo a seguir à tomada de posse no Parlamento. Marcelo Rebelo de Sousa depositou flores nos túmulos de Luís de Camões e de Vasco da Gama.

  • "Marcelo Rebelo de Sousa vai ser o anti-Cavaco, hoje já se viu"
    7:28

    Opinião

    "Portugal é a razão de ser do compromisso solene que acabo de assumir", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa, no início do seu discurso de posse como Presidente da República. O novo chefe de Estado defendeu consensos alargados, garantiu solidariedade institucional "indefetível" ao Parlamento, e prometeu ser "de todos sem exceção". Bernardo Ferrão analisou no Primeiro Jornal o discurso de tomada de posse do Presidente. "Marcelo Rebelo de Sousa vai ser o anti-Cavaco, hoje já se viu", considerou.

  • Figuras de destaque na cerimónia de tomada de posse
    0:52

    Marcelo sucede a Cavaco

    Nas cerimónias desta manhã estiveram nomes da alta política nacional mas também representantes estrangeiros. Felipe VI, Rei de Espanha, o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, e do Chefe de Estado de Moçambique, Filipe Nyusi, foram algumas das figuras de destaque entre os mais de 500 convidados para a cerimonia de tomada de posse.

  • Madrid suspende governo regional da Catalunha

    Mundo

    O chefe do Governo espanhol anunciou hoje que decidiu acionar o artigo 155º da Constituição espanhola e pedir ao Senado a suspensão das funções do governo regional da Catalunha. Em conferência de imprensa justificou a adoção das medidas dada a "desobediência rebelde, sistemática e consciente" do Governo regional (Generalitat).

    Em atualização

  • Manifestações contra os incêndios um pouco por todo o país
    1:33

    País

    Estão marcadas para esta tarde várias manifestações contra os incêndios e as políticas florestais, mas também de homenagem às vítimas dos fogos que arrasaram o país. As iniciativas de protesto são quase todas organizadas através das redes sociais e por grupos de cidadãos.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.