sicnot

Perfil

Massacre em Orlando

Massacre em Orlando

Massacre em Orlando

Pelo menos 50 mortos e mais de 53 feridos em tiroteio em Orlando

Subiu para 50 o número de mortos do tiroteio desta madrugada, em Orlando, nos Estados Unidos. Outras 53 pessoas estão feridas.

© Steve Nesius / Reuters

© Steve Nesius / Reuters

© Kevin Kolczynski / Reuters

Entretanto, também terá sido identificado o suspeito. Trata-se de Omar Saddiqui Matee. Tinha 27 anos, e nasceu na localidade de Port St Lucie, na Flórida.

De acordo com a CNN, o suspeito tem nacionalidade norte-americana, mas a família será afegã. O FBI está a classificar o tiroteio como um ataque terrorista e acredita que o suspeito teria uma inclinação para o extremismo islâmico.

No entanto, ainda se mantêm as investigações para saber se houve intervenção internacional. Barack Obama já pediu ao Governo Federal que forneça todo o apoio às autoridades de Orlando.

Recorde-se que o suspeito barricou-se numa discoteca durante a madrugada, fez reféns e durante um tiroteio morreram pelo menos 50 pessoas.

  • Reclusos que fugiram de Caxias tiveram cúmplices
    1:59

    País

    Uma falha de Portugal poderá explicar a libertação de um dos dois chilenos que fugiram de Caxias e foram apanhados em Espanha. As autoridades portuguesas atrasaram-se a enviar o mandado de detenção e a polícia espanhola libertou o fugitivo. Na investigação da fuga, acredita-se que os 3 reclusos tiveram cúmplices e a namorada de um deles já foi interrogada.

  • Jovem indiano acorda a caminho do próprio funeral

    Mundo

    Um jovem indiano chocou os seus parente e amigos, depois de acordar no caminho para o seu próprio funeral. No mês antes, Kumar Marewad foi levado para o hospital após ser mordido por um cão de rua, ficando em estado grave.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.