sicnot

Perfil

Mundial 2018

Mundial 2018

Rumo ao Mundial 2018

Grupo armado invade empresa na Argentina e rouba 30 mil cromos do Mundial

Mariana Bazo

As cadernetas de cromos são para todas as idades e, a poucos dias do início do Campeonato do Mundo, a febre aumenta. Na Argentina, aumentou tanto, que um grupo armado decidiu invadir uma empresa na periferia de Buenos Aires e roubar 31.900 cromos do Mundial.

Assim que entraram no edifício, o grupo de ladrões apontou as armas carregadas aos funcionários da empresa de imprensa gráfica, na cidade de Mundo, a cerca de 20 quilómetros da capital argentina.

Segundo o El País, o assalto demorou apenas alguns minutos, com o grupo a conseguir levar, dentro de uma carrinha, 638 caixas de cromos. Ao todo, foram roubados 31.900 cromos com as figuras do Mundial na Rússia.

O jornal espanhol conta que as caixas estavam preparadas para serem distribuídas para venda ao público.

Se não houvesse cartas repetidas, seria possível completar 47 cadernetas. Na Argentina, um cromo custa cerca de 10 pesos (cerca de 34 cêntimos).

  • Lei que permite a entrada de animais em espaços de restauração gera dúvidas
    2:23

    País

    A lei que permite a entrada de animais de companhia em estabelecimentos de restauração, que entrou hoje em vigor, está a gerar dúvidas para os proprietários. Até ao momento são poucos os estabelecimentos que aderiram e a previsão é para que assim continue. A DECO questionou 1800 pessoas sobre a presença dos animais nos restaurantes e apenas 25% votou a favor.

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes