sicnot

Perfil

Orçamento do Estado 2018

António Costa desvaloriza divergências com a esquerda

António Costa desvaloriza divergências com a esquerda

O Governo reúne-se esta tarde com os partidos para apresentar as linhas gerais do Orçamento para 2018. Durante a manhã, o Executivo reuniu-se num conselho de ministros extraordinário. No entanto, o documento ainda não está fechado. António Costa, que não participou na reunião, desvaloriza as divergências com os parceiros de esquerda e confia na aprovação. O Orçamento é aprovado esta quinta-feira e será entregue no Parlamento na sexta-feira.

  • Conselho de Ministros extraordinário para análise do OE2018
    4:08

    Orçamento do Estado 2018

    O Governo vai apresentar esta tarde aos partidos com representação parlamentar as linhas gerais da proposta de Orçamento do Estado para 2018. Proposta que será depois aprovada em Conselho de Ministros, previsivelmente amanhã, sendo entregue formalmente na Assembleia da República na sexta-feira. Esta manhã, realiza-se também uma reunião extraordinário do Executivo para análise do Orçamento e das Grandes Opções do Plano, como nos explica a jornalista Joana Nabais, em reportagem na presidência do Conselho de Ministros.

  • UGT concorda com linhas gerais do próximo Orçamento do Estado
    0:43

    Orçamento do Estado 2018

    A ronda de reuniões entre o Presidente da República e os partidos políticos e parceiros sociais,antes da entrega do próximo Orçamento do Estado, terminou esta segunda-feira. A UGT foi a última central sindical a ser recebida por Marcelo Rebelo de Sousa. O encontro decorreu ao final da tarde desta segunda-feira. O aumento do salário mínimo nacional e o descongelamento das carreiras da função pública em 2018 foram alguns dos temas da reunião. À saída, o líder do UGT, Carlos Silva, fez saber que concorda com as linhas gerais do próximo Orçamento do Estado, mas garantiu que vai continuar a pressionar o Governo. Carlos Silva diz, no entanto, que a UGT vai estar ao lado da Frente Comum greve geral da função pública, agendada para o próximo dia 27 de outubro.

  • PS volta a subir nas intenções de voto e não baixa dos 40%
    2:01