sicnot

Perfil

OE 2015

OE 2015

Orçamento do Estado 2015

UTAO diz que desvio no défice do 1º trimestre é "fator de risco" para meta anual

O défice orçamental registado no primeiro trimestre, de 5,8% do PIB, apresentou um "desvio desfavorável" face ao objetivo anual, que a UTAO considera ser "um fator de risco" para cumprir a meta do défice de 2015, de 2,7%. 

(Arquivo)

(Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

Na sua nota rápida sobre as contas nacionais das administrações públicas, a que a Lusa teve hoje acesso, a Unidade Técnica de Apoio Orçamental (UTAO) refere que "o défice global das administrações públicas registado no primeiro trimestre excedeu o objetivo para o défice anual", ficando 3,1 pontos percentuais acima do objetivo de 2,7% do PIB.

Os técnicos independentes que apoiam o parlamento afirmam que, em termos nominais e excluindo as medidas de caráter extraordinário, "o défice do primeiro trimestre representa aproximadamente 49% do défice total previsto para o conjunto do ano".

"A dimensão do desvio desfavorável (...) não deixa de ser um fator de risco para o cumprimento" do objetivo orçamental que o Governo definiu para este ano, de reduzir o défice orçamental para os 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB), advertem ainda.

Os economistas da UTAO consideram que "subsiste alguma incerteza" quando ao desempenho orçamental do resto do ano e identificam fatores em ambos os sentidos.

A execução orçamental até abril (registada em contabilidade pública) tem apresentado "um desempenho orçamental mais desfavorável do que o previsto no Orçamento do Estado para 2015, mas os resultados da execução orçamental têm vindo a melhorar ao longo do ano, aponta a UTAO

Além disso, os técnicos notam que "este ano poderá existir uma incerteza superior quanto ao desempenho orçamental por comparação com outros anos, na medida em que ocorrerá uma mudança de ciclo legislativo".

No entanto, a UTAO salvaguarda que, apesar do "peso significativo" do défice nos primeiros três meses do ano, "o desvio desfavorável face ao objetivo anual verificado no primeiro trimestre não deve ser entendido como forçosamente indicativo do desempenho esperado para o conjunto do ano", uma vez que se trata de "informação ainda muito parcelar".

Na semana passada, o Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgou o valor do défice orçamental das administrações públicas até março, que atingiu os 2.444,3 milhões de euros, o equivalente a 5,8% do PIB nesse período, valor que compara com um défice de 5,9% no período homólogo.


Lusa
  • Sismo de magnitude 4,0 provoca um morto em Nápoles

    Mundo

    Um sismo de magnitude 4,0 na escala de Richter atingiu esta segunda-feira a ilha de Ísquia no golfo de Nápoles, no mar Tirreno, no sul de Itália. De acordo com o jornal La Stampa uma mulher terá morrido e dois feridos estarão em perigo de vida.

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Brasileiros procuram Portugal
    3:59

    País

    Viver em Portugal é hoje em dia um grande sonho da classe média brasileira. De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros, só em 2016, o número de vistos de residência aumentarem em mais de 30%. A língua, a segurança e a qualidade de vida são as razões apontadas para a mudança. Todos os dias, no consulado português no Rio de Janeiro, para a obtenção de vistos.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.