sicnot

Perfil

OE 2016

OE 2016

Orçamento do Estado 2016

Bruxelas diz que últimas propostas do Governo "vão no bom sentido"

O comissário europeu dos Assuntos Económicos disse hoje que as mais recentes propostas do Governo português, no quadro das discussões sobre o plano orçamental para 2016, "vão no bom sentido", mas afirmou ser cedo para antecipar a decisão final.

© Yves Herman / Reuters

"Estamos a trabalhar intensamente, muito intensamente, e em boa cooperação com as autoridades portuguesas. Temos uma equipa no terreno, que está a trabalhar de forma estreita com o Ministério das Finanças. E eu próprio, assim como o vice-presidente (Valdis) Dombrovskis, estou em contacto permanente com o ministro (Mário) Centeno, com quem falei há alguns minutos", revelou Moscovici, numa conferência de imprensa em Bruxelas.

"Nos últimos dias, nas últimas horas, e mesmo nos últimos minutos, as autoridades portuguesas fizeram propostas que vão no bom sentido, mas que devemos ainda analisar em detalhe", acrescentou.

Apontando que "Portugal tem dado provas de boa vontade" nas discussões ainda em curso, "tal como a Comissão Europeia", cuja missão é assegurar que as regras europeias são respeitadas, Moscovici disse que "resta ainda trabalho hoje" e espera que seja possível alcançar "um acordo nas próximas horas", mas advertiu que é muito cedo para antecipar um desfecho relativamente a uma decisão que cabe ao colégio de comissários tomar, na sexta-feira.

Projeções para Portugal ainda não refletem discussões em curso

Na conferência de imprensa de apresentação das previsões económicas de inverno, Pierre Moscovici esclareceu que, no caso de Portugal, o documento ainda não integra eventuais medidas adicionais de consolidação orçamental que estão a ser discutidas com o Governo, lembrando que só na sexta-feira o executivo comunitário se pronunciará sobre o projeto de plano orçamental português.

"Quero precisar que as previsões apresentadas aqui baseiam-se na nossa primeira análise do plano orçamental que recebemos a 22 de janeiro. E devo dizer que as discussões contidas no relatório não refletem as discussões ainda em curso sobre o assunto. O objetivo desse diálogo é clarificar alguns aspetos do plano orçamental e analisar que compromissos suplementares o Governo pode fazer, com o objetivo de assegurar que esse plano orçamental respeita o Pacto de Estabilidade e Crescimento", disse.

Com Lusa

  • Daesh transforma drones em bombardeiros 

    Daesh

    As estratégias de combate do Daesh têm vindo a sofrer alterações, bem como a capacidade das forças militares iraquianas para confrontar e derrotar o inimigo. De acordo com o responsável do Exército dos EUA Brett Sylvia, comandante militar no Iraque, a tática mais recente desenvolvida pelo Daesh consiste em usar drones de uso comercial em pequenos bombardeiros, capazes de transportar e lançar granadas.