sicnot

Perfil

Orçamento do Estado 2017

Decisão sobre novo aeroporto de Lisboa será tomada em 2017

(Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

O Governo compromete-se a apresentar em 2017 uma solução para aumentar a capacidade aeroportuária em Lisboa, para responder ao crescimento estimado do tráfego no Aeroporto Humberto Delgado.

De acordo com a proposta do Orçamento do Estado para 2017 (OE2017), o Executivo garante que "em 2017 será apresentada a solução para o desenvolvimento da capacidade aeroportuária futura na área metropolitana de Lisboa, de forma a assegurar uma gestão eficiente e sustentada em termos operacionais e económicos do crescimento estimado de tráfego para a procura aeroportuária de Lisboa".

Na proposta de OE2016, entregue em fevereiro, o Governo tinha-se comprometido a decidir ainda em 2016 a solução para aumentar a capacidade aeroportuária em Lisboa, com o grupo de trabalho constituído a trabalhar na opção Portela+ 1 como prioritária.

Ainda no setor aeroportuário, o Governo refere a implementação do plano estratégico da TAP, que já está em curso, desde que o consórcio privado Atlantic Gateway entrou na companhia aérea nacional.

Lusa

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Milhares de brasileiros protestam na Praia de Copacabana contra Temer
    3:04
  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40
  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.