sicnot

Perfil

Óscares 2017

Óscares 2017

Óscares 2017

O culpado da gafe nos Óscares já tem um nome

Martha Ruiz e Brian Cullinan da PWC com as pastas que continham os envelopes com os vencedores, no início da cerimónia.

Jordan Strauss / AP

Está encontrado o culpado pela maior erro de sempre nos Óscares. A consultora PWC concluiu que a culpa foi do colaborador Brian Cullinan, um dos responsáveis pelos envelopes com os nomes dos vencedores.

Brian Cullinan terá entregue aos apresentadores do prémio de melhor filme - Warren Beatty e Faye Dunaway - o segundo envelope que existia com o nome do vencedor do prémio de melhor atriz.

Em todas as cerimónias é habitual existirem dois conjuntos iguais de envelopes. Neste caso, o funcionário entregou o envelope suplente da categoria anterior.

A consultora diz ainda que os dois responsáveis nos bastidores não foram rápidos o suficiente a seguir o protocolo e demoraram mais de 2 minutos a resolver o erro.

Brian Cullinan trabalha na PWC, antiga Price Waterhouse Coopers, há 20 anos. A empresa pediu desculpa a todos os envolvidos e ao público em geral e vai agora decidir que medidas tomar.

Um tweet misterioso

No dia seguinte aos Óscares, o Wall Street Journal noticiou que Brian Cullinan publicou um tweet a partir dos bastidores com uma fotografia de Emma Stone a posar com a estatueta acabada de ganhar.

"A melhor atriz Emma Stone nos bastidores", lia-se no tweet, entretanto apagado.

Esta publicação aconteceu momentos antes do anúncio do vencedor de melhor filme, o que levanta a questão se o funcionário estava distraído da tarefa que tinha em mãos - o envelope.

Academia pede desculpa

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas pediu desculpa aos atores e às equipas dos filmes "Moonlight" e "La La Land" pelo erro e prometeu tomar "as medidas adequadas".

"Lamentamos profundamente os erros que aconteceram durante a apresentação da categoria de melhor filme", disse a Academia num comunicado publicado no dia seguinte à cerimónia.

  • Depois de 21 nomeações, o Óscar finalmente chegou

    Óscares 2017

    A cerimónia dos Óscares deste ano vai ficar para a história, não só por causa da gafe na entrega de Melhor Filme mas também porque, 34 anos e 21 nomeações depois, Kevin O'Connell venceu o Óscar de Melhor Mistura de Som no filme "O Herói de Hacksaw Ridge", realizado por Mel Gibson.

  • Outras gafes que ficaram para a história
    2:24

    Mundo

    A cerimónia deste ano dos Óscares foi marcada por uma gafe, cometida nos últimos minutos. Na entrega do Óscar para Melhor Filme, anunciaram "La La Land", quando o verdadeiro vencedor foi "Moonlight". Mas o mundo está cheio de gafes, muitas delas chegam mesmo a ficar para a história. Espreite alguns exemplos.

  • Sabe quanto vale um Óscar?

    Óscares 2017

    É sem dúvida um dos objetos mais reconhecidos e desejados do mundo. A estatueta de ouro é considerada o maior prémio da indústria cinematográfica mas o seu valor monetário não corresponde à sua fama e à honra de o vencer.

  • Cerimónia dos Óscares marcada por críticas a Donald Trump
    3:18

    Óscares 2017

    Como se previa, a cerimónia de entrega de Óscares ficou também marcada pelas críticas a Donald Trump. O realizador do Melhor Filme Estrangeiro - o iraniano Asghar Farhadi - faltou em protesto contra as políticas anti-imigração. O Presidente norte-americano foi visado também pelo apresentador da cerimónia e o ator mexicano Gael García Bernal criticou o projeto de construção do muro na fronteira.

  • Coutinho e Neymar salvam Brasil já na compensação

    Mundial 2018 / Brasil

    O Brasil venceu a Costa Rica por 2-0 numa partida a contar para a 2ª jornada do grupo E do Mundial da Rússia. Contas feitas, o Brasil sobe para o primeiro lugar do grupo, com 4 pontos, seguido da Sérvia com 3 pontos. A Suíça (1 ponto) e a Costa Rica (0 pontos) ocupam, assim, os últimos lugares da tabela.

  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • Moutinho e Raphael Guerreiro de "baixa", Fonte disponível "para tocar bombo"
    1:52
  • Mulher morre após ser mandada para casa pelo Centro Hospitalar do Oeste
    2:23

    País

    Uma mulher morreu depois de ter tido alta no Centro Hospitalar do Oeste. Há fortes suspeitas que tenha sido vítima de um diagnóstico mal feito por uma empresa de telemedicina. O Bastonário da Ordem dos Médicos quer avaliar todos os contratos do Estado com serviços de telemedicina e impedir que as empresas e os hospitais fujam às responsabilidades. Até agora ninguém foi responsabilizado, a família apresentou várias queixas e Entidade Reguladora da Saúde abriu um inquérito.

  • Antigo campeão nacional de Ori-BTT, de 19 anos, morreu em colisão com carro
    1:42

    País

    Um ciclista de 19 anos morreu e o pai ficou gravemente ferido, numa colisão com uma viatura que fazia uma inversão de marcha, em Loulé, na quarta-feira. Quando o acidente aconteceu, o jovem estava a treinar para um campeonato na Hungria, onde ia participar dentro de poucos dias. Duarte Lourenço, que chegou a ser campeão nacional de Ori-BTT, pertencia ao escalão de Juniores, devido à sua idade, mas por vontade própria fazia escalão Sénior.