sicnot

Perfil

Panama Papers

Panama Papers

Panama Papers

Presidente da Islândia recusa dissolver o Parlamento

O Presidente da Islândia recusou hoje dissolver o Parlamento do país, contrariando um pedido nesse sentido emitido pelo primeiro-ministro Sigmundur David Gunnlaugsson, alegadamente envolvido no caso "Panama Papers".

Presidente da Islândia, Olafur Ragnar Grimsson

Presidente da Islândia, Olafur Ragnar Grimsson

© Mihai Barbu / Reuters

Previamente, o chefe do Executivo tinha ameaçado dissolver o Parlamento caso o seu aliado Partido da Independência optasse por abandonar a coligação governamental.

Na segunda-feira, Gunnlaugsson tinha excluído demitir-se após a revelação de que possui bens dissimulados num paraíso fiscal, no âmbito da publicação dos chamados "Panama Papers".

A oposição de esquerda exigiu o seu afastamento logo após a divulgação dos documentos, onde se refere que terá criado em 2007 uma sociedade com a sua mulher nas ilhas Virgens britânicas para gerir a sua fortuna.

Se acordo com os documentos publicados pelo Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação (ICIJ), Gunnlaugsson, 41 anos, deteria 50 por cento da sociedade envolvida até ao final de 2009. Quando foi eleito pela primeira vez deputado em abril de 2009, na qualidade de líder do Partido Progressista, omitiu essa participação na sua declaração de património.

Na noite de segunda-feira a oposição convocou uma manifestação frente ao parlamento para exigir a demissão do primeiro-ministro.

Após um governo social-democrata, que subiu ao poder na sequência do colapso económico da Islândia em 2008, Gunnlaugsson garantiu o cargo de primeiro-ministro em 2013 com o apoio do Partido da Independência, cujo líder, Bjarni Benediktsson, atual ministro das Finanças, também surge nos "Documentos do Panamá".

Uma lista de mais de 70 nomes de chefes ou ex-chefes de Estado alegadamente envolvidos em esquemas de corrupção com sociedades 'offshore' foi divulgada no domingo pelo Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação.

Os documentos revelam que milhares de empresas foram criadas em paraísos fiscais para que políticos e personalidades administrassem o seu património.

Lusa

  • PM da Islândia abandona entrevista ao ser questionado sobre empresa offshore
    1:24

    Panama Papers

    Um dos nomes envolvidos no escândalo "Panama Papers" é o do primeiro-ministro da Islândia. Sigmundur David Gunnlaugsson abandonou uma entrevista a uma televisão sueca quando estava a ser questionado sobre a empresa onde, juntamente com a mulher, teve títulos que chegaram a valer milhões de euros, em três grandes bancos da Islândia que faliram durante a crise financeira de 2008.

  • Os confrontos de Rui Rio
    3:38

    País

    Esta não é a primeira vez que Rui Rio enfrenta adversidades. O mesmo aconteceu durante a presidência da Câmara do Porto, quando assumiu uma rutura total com o Futebol Clube do Porto. Na primeira conferência de imprensa como presidente do PSD, avisou os adversários internos de que o clima de confronto é um ambiente do qual gosta.

  • Governo aceita diálogo com PSD após eleição de Rio
    1:52

    País

    Com a eleição de Rui Rio, o Governo aceitou entender-se com o PSD, provocando algumas críticas por parte do PCP e o Bloco de Esquerda. O líder parlamentar socialista diz que admitir o diálogo é Democracia, mas garante que o que sempre dividiu o PS do PSD mantém-se.

  • Sporting nos oitavos de final da Liga Europa

    Liga Europa

    O Sporting garantiu esta quinta-feira o apuramento para os oitavos de final da Liga Europa, ao empatar frente ao Astana, em Alvalade, a três golos, na segunda mão dos 16 avos de final, depois de ter triunfado no Cazaquistão por 3-1. Veja ou reveja todos os golos do encontro.

  • Jane Seymour posa para a Playboy aos 67 anos

    Cultura

    Esta é a terceira vez que a atriz inglesa de 67 anos participa numa sessão fotográfica para a revista Playboy. Jane Seymour aproveitou a oportunidade para se juntar ao movimento #MeToo e falar sobre as agressões sexuais que sofreu às mãos de um produtor, em 1972.

  • O estranho caso do mergulhador Alejandro Ramos

    Mundo

    O mergulhador Alejandro Ramos tornou-se num caso de investigação do Centro Médico Naval do Peru, depois do seu corpo ter começado a inchar sem qualquer explicação aparente. Isto aconteceu há quatro anos, minutos depois de ter emergido da água, onde tinha estado a trabalhar durante muitas horas.

    SIC

  • Vírus do Zika pode proteger contra a dengue

    Mundo

    Uma equipa de investigadores brasileiros acredita que a infeção do vírus Zika pode tornar a pessoa imune contra a dengue. Anteriormente, uma investigação chinesa já tinha conseguido provar o inverso: quem apanha dengue pode estar mais protegido contra o vírus do Zika.

    SIC

  • Pesca explora mais de metade de todos os oceanos

    Economia

    A pesca industrial explora mais de metade de todos os oceanos, uma área quatro vezes maior que a utilizada pela agricultura, havendo mais atividade no norte do Atlântico e do Pacífico, conclui um estudo divulgado esta quinta-feira.