sicnot

Perfil

Panama Papers

Panama Papers

Panama Papers

Presidente de banco regional austríaco apresenta demissão

O presidente do conselho de administração de um banco regional austríaco posto em causa no caso Panama Papers, pelas ligações ao oligarca russo Guennadi Timchenko, apresentou hoje a demissão, assegurando, porém, que a instituição não cometeu qualquer infração.

© Leonhard Foeger / Reuters

Liderado desde 2012 por Michael Grahammer, 51 anos, o Hypo Vorarlberg, um pequeno banco público, é suspeito de ter permitido que Timchenko, próximo do Presidente russo, Vladimir Putin, tivesse efetuado operações de branqueamento de capitais nas ilhas Virgens, um "paraíso fiscal".

Num comunicado, Grahammer, que já era funcionário de topo no banco desde 2004, assegurou estar "convencido a 100%" que o Hypo Vorarlberg "nunca, em momento algum, infringiu a lei ou as sanções".

A demissão, a primeira na Áustria desde a publicação, no domingo, da gigantesca investigação sobre "paraísos fiscais", conhecidos já por Panama Papers, ocorreu depois de a autoridade financeira da Áustria, FMA, ter aberto um processo de investigação às alegações visando o banco.

O escândalo já provocou a demissão do primeiro-ministro da Islândia, Sigmundur Davío Gunnlaugsson.

Com Lusa

  • Bruno de Carvalho suspenso por mais 90 dias

    Desporto

    O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, foi suspenso por 90 dias na sequência de declarações proferidas numa entrevista televisiva em março, anunciou esta terça-feira o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

  • Benfica critica castigo de Samaris e vai recorrer

    Desporto

    O Benfica reagiu esta terça-feira ao castigo de três jogos aplicado ao grego Andreas Samaris, considerando que a decisão, da qual vai recorrer, é prova de que o futebol português está "entregue à instabilidade, à incoerência e à insegurança".

  • "Álvaro" viveu seis anos de maus tratos num casamento de oito
    5:06
  • Governo disposto a ceder a algumas reivindicações dos enfermeiros
    1:58

    Economia

    Os enfermeiros ameaçam voltar à greve se o Governo não lhes der um subsídio no valor de 400 euros. Esta terça-feira o Governo esteve reunido com dois dos quatro sindicatos. O Ministério diz estar disposto a ceder a algumas reivindicações, mas o ministro da Saúde fez saber que o aumento de 400 euros é incomportável. 

  • Como fazer fotos e vídeos menos tremidos
    8:43
  • "As autárquicas deviam estar menos contaminadas pelo Orçamento"
    7:55
  • Viajar a 110 km/h agarrado ao para-brisas de um comboio

    Mundo

    Um homem de 23 anos foi detido por viajar preso a um comboio - mais concretamente ao limpa para-brisas -, que atinge velocidades perto dos 110 quilómetros por hora, numa viagem entre as estações de Leederville e Glendalough, na Austrália.

  • Rapper quer provar que a terra é plana

    Mundo

    O rapper B.o.B. lançou uma campanha na plataforma GoFundMe para enviar satélites que possam comprovar que a Terra é redonda e azul. No ano passado, o norte-americano defendeu nas redes sociais que o planeta é plano.