sicnot

Perfil

Panama Papers

Novos dados do Panama Papers divulgados esta noite pelo jornal Expresso

Novos dados do Panama Papers divulgados esta noite pelo jornal Expresso

Ricardo Costa comenta a notícia avançada pelo jornal Expresso que revela que um gestor de fortunas do Luxemburgo admite tem como clientes ex-ministros portugueses. Hoje, a partir das 23:00, o Expresso começará a divulgar os nomes dos portugueses que constam nos ficheiros da sociedade Mossack Fonseca.

  • O escândalo dos Panama Papers pelo mundo
    2:14

    Panama Papers

    No Reino Unido, o primeiro-ministro britânico nega qualquer ilegalidade. David Cameron garante que pagou os impostos devidos pelas ações no fundo offshore do pai, referenciado no escândalo "Panama Papers". O primeiro-ministro recebeu 430 mil euros da herança do pai, mas diz que não conhece a origem do dinheiro. Na Argentina, manifestantes pediram demissão do presidente. Mauricio Macri diz que não cometeu qualquer ilegalidade. Na Rússia, Putin afirma que amigo gastou dinheiro com doação de instrumentos à Rússia. No Panamá, empresa Mossack Fonseca fala no roubo de ficheiros a partir de uma servidor estrangeiro.

  • Como funcionam os paraísos fiscais
    3:30

    Panama Papers

    As notícias que têm vindo a ser conhecidas sobre o dossier Panama papers, voltam a pôr em discussão a utilidade das empresas offshore. Muitas vezes usadas para lavar dinheiro e fugir ao fisco, os chamados paraísos fiscais existem em todo o mundo, têm enquadramento legal e nem sempre servem para ocultar actividades criminosas.

  • Ex-ministros portugueses no Panama Papers
    1:54

    Panama Papers

    Uma investigação do Expresso, no âmbito dos Panama Papers, revela documentos confidenciais da Mossack Fonseca em que um gestor de fortunas do Luxemburgo admite ter como clientes ex-ministros portugueses. Hoje, a partir da meia-noite, o jornal Expresso começará a divulgar os nomes dos portugueses que constam nos ficheiros da sociedade Mossack Fonseca.

  • 105 detidos pela PSP e GNR nas últimas 24 horas

    País

    Só a GNR deteve 64 pessoas em flagrante delito, entre a noite de sexta-feira e o início da manhã deste sábado, a maioria das quais (47) por condução sob o efeito do álcool. A PSP de Lisboa efetuou 41 detenções em 24 horas, dez por tráfico de droga.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.