sicnot

Perfil

Panama Papers

Manuel Vilarinho, Ilídio Pinho e Luís Portela envolvidos no caso Panama Papers

Manuel Vilarinho, Ilídio Pinho e Luís Portela envolvidos no caso Panama Papers

Manuel Vilarinho, Ilídio Pinho e Luís Portela são três entre os 240 nomes de portugueses que estarão referenciados nos Panama Papers mas as o Jornal Expresso, que integra do Consórcio Internacional que investiga o escândalo conta que também há antigos ministros que estão envolvidos.

  • Os portugueses na lista do Panama Papers
    1:25

    Panama Papers

    São os primeiros nomes de uma lista de 240 portugueses que surgem na investigação Panama Papers. O Expresso revela hoje que Luís Portela, Ilidio Pinho e Manuel Vilarinho estão na lista com ligações a offshore revelada pelo Consórcio Internacional de Jornalistas que está a investigar o caso. O antigo presidente do Benfica diz que já esperava que o seu nome aparecesse, mas recusa qualquer ilegalidade.

  • David Cameron faz mea culpa e promete revelar todos os registos fiscais
    0:32

    Panama Papers

    David Cameron disse esta manhã que vai revelar publicamente todos os seus registos fiscais para esclarecer a polémica em que se viu envolvido da investigação Panamá Papers. Num discurso no fórum do partido conservador britânico do qual é líder, o primeiro ministro reconhece que conduziu mal o processo dos registos fiscais da família nomeadamente no que diz respeito ao pagamento de impostos.

  • Presidente da Argentina diz que está inocente no caso Panama Papers
    1:15

    Panama Papers

    O presidente argentino volta a garantir que está inocente e que sempre cumpriu a lei. Mauricio Macri também está envolvido no escândalo dos Panama Papers, depois de ter sido revelado que foi presidente de uma empresa offshore, criada também pelo pai. Macri diz mesmo que vai pedir à Justiça que confirme que todas as afirmações que tem feito são verdadeiras.

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Milhares de brasileiros protestam na Praia de Copacabana contra Temer
    3:04
  • "Precisamos de uma melhor zona Euro"
    0:30