sicnot

Perfil

Panama Papers

Panama Papers

Panama Papers

ES Enterprise, do Grupo Espírito Santo, terá pago 180 mil euros a Manuel Pinho

Uma das empresas que consta nos "Panama Papers" terá pago cerca de 180 mil euros ao antigo ministro da Economia Manuel Pinho. De acordo com o jornal Público, a quantia foi paga pela ES Enterprise, uma sociedade do Grupo Espírito Santo.

Arquivo SIC

A alegada remuneração poderá estar ligada à atividade de Manuel Pinho no GES, onde trabalhou durante duas décadas.

A ES Enterprise está a ser investigada pelo Ministério Público desde 2014. Em causa, estão suspeitas de um alegado saco azul.

A empresa seria usada para pagamentos do GES não documentados, por onde terão passado também fundos vindos de Angola.

  • Grupo Espírito Santo passou 300 milhões pelas contas do Panamá
    2:11

    Panama Papers

    O escândalo Panama Papers revela que o Grupo Espírito Santo usou uma teia de centenas de empresas offshore para pagar comissões e outras despesas não documentadas. A investigação confirma assim que o GES tinha um saco azul. Ao longo de vinte anos, Ricardo Salgado e os gestores de topo do Espírito Santos fizeram passar 300 milhões de euros pelas contas do Panamá.

  • Os portugueses na lista do Panama Papers
    1:25

    Panama Papers

    São os primeiros nomes de uma lista de 240 portugueses que surgem na investigação Panama Papers. O Expresso revela hoje que Luís Portela, Ilidio Pinho e Manuel Vilarinho estão na lista com ligações a offshore revelada pelo Consórcio Internacional de Jornalistas que está a investigar o caso. O antigo presidente do Benfica diz que já esperava que o seu nome aparecesse, mas recusa qualquer ilegalidade.

  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.