sicnot

Perfil

Panama Papers

Defesa de Sócrates e Salgado "estão a tentar mudar de assunto"

Defesa de Sócrates e Salgado "estão a tentar mudar de assunto"

O diretor do Expresso garante que o jornal contactou os assessores jurídicos de Ricardo Salgado, a propósito da manchete deste sábado, que liga a Operação Marquês a uma offshore do Grupo Espírito Santo. Pedro Santos Guerreiro explica os contornos do caso, que envolve a investigação dos "Panama Papers" e sublinha a importância da declaração de Hélder Bataglia, que admitiu ao Expresso que foram pagas comissões com dinheiro, proveniente de uma offshore do GES.

  • Dinheiro do caso Sócrates veio do saco azul dos GES

    Panama Papers

    Nas malhas da investigação dos milhões descobertos pelo Panama Papers encontra-se a Operação Marquês. O dinheiro do caso que envolve José Sócrates no esquema de corrupção, fraude fiscal e branquamento de capitais vem do GES. Esta é a manchete deste sábado do jornal Expresso. Transferências feitas a partir da Espírito Santo Enterprises de offshores podem ser a explicação que faltava ao Ministério Público para concluir o inquérito crime contra José Sócrates e avançar com uma eventual acusação.

  • Offshore do Espírito Santo no Panama Papers com ligações ao caso Sócrates
    1:59

    Panama Papers

    A investigação "Panana Papers" mostra o envolvimento de uma offshore do Grupo Espírito Santo com a Operação Marquês. Helder Bataglia, o empresário luso-angolano arguido no processo, admite ao Expresso que o dinheiro que transferiu para pagar comissões teve origem numa offshore do grupo então liderado por Ricardo Salgado. O Ministério Público acredita que pelo menos 12 milhões de euros pertencerão a José Sócrates. A defesa do ex-primeiro-ministro nega.