sicnot

Perfil

Papa Francisco em Fátima

Criança brasileira que permitiu canonização dos pastorinhos vem a Fátima

Francisco Seco

A criança brasileira que permitiu a canonização dos pastorinhos Jacinta e Francisco vem a Fátima, com a família, para a peregrinação de 12 e 13 de maio, com o Papa Francisco. No dia 11 está prevista uma declaração à imprensa, já em Fátima, mas a criança não aparecerá em público, uma vez que ainda é menor.

A identidade da criança não foi nem deverá ser divulgada mas o caso é descrito pelas Notícias Vaticanas como o que abriu caminho que abriu o caminho à canonização dos dois irmãos beatificados por João Paulo II em 1999.

O milagre reconhecido pela Igreja a 23 de março deste ano diz respeito a uma criança que, com 6 anos, sobreviveu a uma queda de 7 metros e saiu do coma 3 dias depois dos médicos terem traçado o pior dos diagnósticos: se a criança sobrevivesse, seria em estado vegetativo ou, no máximo, com graves deficiências cognitivas.

O facto do relatório da equipa médica ter declarado por unanimidade "cura inexplicável do ponto de vista científico", em 2 de fevereiro de 2007, foi suficiente para o Papa Francisco aceitar canonizar os pastorinhos.

"A família quer fazer esse testemunho em Fátima", disse hoje à agência Lusa fonte do Santuário.

Segundo a Rádio Vaticana "no momento do incidente, o pai da criança invocou Nossa Senhora de Fátima e os dois pequenos beatos".
"Na mesma noite, os familiares e uma comunidade de irmãs de clausura haviam rezado com insistência, pedindo a intercessão dos pastorinhos de Fátima".

O arcebispo de Olinda e Recife já admitiu estar satisfeito por ter sido uma criança da arquidiocese brasileira a viabilizar o processo de canonização dos pastorinhos de Fátima, que se vai realizar a 13 de maio.

"Fiquei surpreso, fiquei contente e feliz que Recife tenha dado essa contribuição. Todos aqui ficaram muito satisfeitos e felizes que esse facto tenha sido levado em conta. Não conheço a criança, mas pretendo entrar em contacto para conhecê-la", afirmou à Lusa Antônio Saburido.

O Vaticano anunciou na quinta-feira que o papa Francisco vai canonizar, a 13 de maio, os dois pastorinhos Jacinta e Francisco durante a sua visita a Fátima para assinalar o Centenário das Aparições.

Francisco e Jacinta morreram ainda crianças, pouco depois de, com a sua prima Lúcia de Jesus (1907-2005), terem estado na origem do fenómeno de Fátima, entre maio e outubro de 1917.

Com Lusa

  • O tempo para hoje
    0:57

    País

    O Instituto do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje chuva fraca a norte do sistema Montejunto-Estrela com subidada temperatura mínima. Céu muito nublado ou encoberto, apresentando-se em geral pouco nublado no Baixo Alentejo e no Algarve até meio da manhã. Períodos de chuva fraca ou chuvisco nas regiões a norte do sistema montanhoso Montejunto-Estrela, mais frequentes no Minho e Douro Litoral e a partir da tarde.

  • Jovens adoptados e filha do líder da IURD com versões diferentes dos acontecimentos
    4:06

    País

    Os jovens adoptados e a filha do bispo Edir Macedo, que alegadamente os adoptou, têm versões diferentes sobre o que aconteceu. Vera e Luís Katz garantem que foram adoptados por uma família norte-americana, com que viveram até aos 20 anos. Viviane Freitas, filha do líder da Igreja Universal do Reino de Deus, conta que foi mãe das crianças durante três anos, apesar de lhe ter sido negada a adopção.

  • Cabecilha da seita Verdade Celestial é "mentiroso, egocêntrico e psicótico"
    2:22

    País

    O cabecilha da seita "Verdade Celestial" foi condenado a 23 anos de pena de prisão por abusos sexuais de crianças e adolescentes. O juiz diz que o cabecilha do grupo era mentiroso patológico, egocêntrico, impulsivo e com personalidade psicótica. Dos oito acusados, duas mulheres foram absolvidas e seis arguidos foram condenados a penas efetivas. A rede de abusadores foi desmantelada há dois anos, numa quinta de Palmela.

  • Mau tempo obriga ao cancelamento de centenas de voos na Europa
    1:21
  • Antigos quadros da Facebook declaram-se preocupados com efeitos da rede social

    Mundo

    Alguns dos antigos quadros da empresa Facebook estão a começar a exprimir sérias dúvidas sobre a rede social que ajudaram a criar, foi noticiado. A Facebook explora "uma vulnerabilidade na psicologia humana" para criar dependência entre os seus utilizadores, afirmou o primeiro presidente da empresa, Sean Parker, num fórum público.