sicnot

Perfil

Presidenciais 2016

Presidenciais 2016

Presidenciais 2016

Henrique Neto no topo do boletim de voto

O candidato presidencial Henrique Neto vai ser o primeiro nome nos boletins de voto das eleições de 24 de janeiro, ditou hoje o sorteio realizado pelo Tribunal Constitucional (TC), em Lisboa, enquanto Paulo Morais ocupa o décimo lugar.

(LUSA/ ARQUIVO)

A seguir ao empresário e militante socialista Henrique Neto segue-se o ex-reitor da Universidade de Lisboa António Sampaio da Nóvoa e em terceiro lugar estará Cândido Ferreira, socialista e médico de profissão.

No quarto lugar figurará o candidato apoiado pelo PCP, Edgar Silva, antigo padre católico e deputado na Assembleia Legislativa da Madeira, em quinto lugar o sorteio ditou o candidato Jorge Sequeira, psicólogo e docente, em sexto lugar Vitorino Silva, calceteiro e ex-presidente de junta no concelho de Penafiel, conhecido por Tino de Rans.

Em sétimo lugar surge a candidata apoiada pelo Bloco de Esquerda, Marisa Matias, deputada europeia e dirigente bloquista.

Os últimos três lugares vão respetivamente para Maria de Belém Roseira, antiga presidente socialista e ex-ministra da Saúde e deputada, Marcelo Rebelo de Sousa, comentador político, professor universitário e antigo presidente social-democrata e deputado à Constituinte, e Paulo Morais, gestor e ex-vice-presidente da autarquia portuense.

A ordenação é ainda provisória porque os juízes do Palácio Ratton têm até 04 janeiro para decidir sobre a admissibilidade das candidaturas.

Por sua vez, eventuais reclamações serão admitidas até 05 de janeiro. No dia 11 de janeiro, esgotados eventuais recursos, o rol de candidatos será, finalmente, o definitivo.

Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.