sicnot

Perfil

Presidenciais 2016

O outro lado da campanha de Sampaio da Nóvoa

EXCLUSIVO ONLINE

O outro lado da campanha de Sampaio da Nóvoa

No seu "escritório com rodas", Sampaio da Nóvoa faz o balanço de mais de 30 mil quilómetros percorridos em campanha. O candidato às presidenciais assume que será uma derrota pessoal se não chegar à 2ª volta, numa entrevista para o site da SIC Notícias.

  • O outro lado da campanha de Edgar Silva
    7:52

    Presidenciais 2016

    "Não há qualquer cansaço, pelo contrário, nesta reta final estamos em condições de garantir mais energia". É a garantia de Edgar Silva, numa entrevista exclusiva ao site da SIC Notícias. A SIC convidou os candidatos presidenciais para falar sobre os bastidores das suas campanhas, o candidato apoiado pelo PCP foi o primeiro a aceitar.

  • O outro lado da campanha de Marisa Matias
    7:58

    Presidenciais 2016

    Marisa Matias gosta de fazer campanhas e não as acha desgastantes. Trocava o carro por transportes públicos, mas estes não são opção para correr o país de norte a sul. Numa entrevista exclusiva para o site da SIC Notícias, a candidata presidencial fala também da família e de uma eventual 2ª volta.

  • O outro lado da campanha de Marcelo Rebelo de Sousa
    8:49

    Presidenciais 2016

    A SIC falou com Marcelo Rebelo de Sousa, durante uma viagem de comboio Alfa Pendular entre Lisboa e o Porto. O candidato conta que costuma andar de transportes públicos, que a campanha está a correr exatamente como o previsto e confessa que no final de cada dia tenta ver, ouvir e ler o que a comunicação social disse sobre a sua campanha.

  • Obama acredita que Guterres será um bom líder da ONU
    0:53

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar de perto com os Estados Unidos na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido esta sexta-feira por Barack Obama, na Casa Branca, onde foi elogiado pelo ainda Presidente.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.