sicnot

Perfil

Presidenciais 2016

Presidenciais 2016

Presidenciais 2016

Marcelo Presidente à primeira

SONDAGEM À BOCA DAS URNAS

Marcelo Rebelo de Sousa vence as eleições presidenciais à primeira volta, segundo a sondagem à bocas das urnas realizada pela Eurosondagem para a SIC. Sampaio da Nóvoa surge em segundo lugar e, surpresa, Marisa Matias é a terceira candidata mais votada. Maria de Belém será a grande derrotada da noite.

JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Candidato Votos (%)
Henrique Neto 0,7 - 1,4
António Sampaio da Nóvoa 21,1 - 24,8
Cândido Ferreira 0,3 - 0,7
Edgar Silva 3,0 - 4,1
Jorge Sequeira 0,3 - 0,7
Vitorino Silva 2,6 - 3,7
Marisa Matias 8,8 - 11,3
Maria de Belém 3,3 - 4,8
Marcelo Rebelo de Sousa 50,1 - 54,9
Paulo de Morais 1,4 - 2,5

Ficha Técnica

Estudo efetuado pela Eurosondagem, S.A. no dia 24 de Janeiro de 2016, tendo como Universo a população com 18 anos ou mais, residente em Portugal Continental e que participou no acto eleitoral para a eleição do Presidente da República.

Entrevistas directas e pessoais, realizadas por entrevistadores seleccionados, credenciados pela Comissão Nacional de Eleições e supervisionados, entre as 08 horas e as 18 horas, em cinquenta locais de voto de Freguesias selecionadas para este efeito. As entrevistas, que tiveram lugar após os inquiridos terem votado e fora do local de voto conforme estabelece a lei nº 10/2000 de 21 Junho, consistiram na entrega de um boletim de voto idêntico ao oficial, e na sua recolha, após preenchido, em urna fechada.

Foram recolhidos 43.678 boletins de voto validados, que constituem a amostra.

O erro máximo da Amostra é de 0,47%, para um grau de probabilidade de 95,0%.

Um exemplar deste Estudo está depositado na Entidade Reguladora para a Comunicação Social.

Lisboa, 24 de Janeiro de 2016

O Responsável Técnico da Eurosondagem Rui Oliveira Costa

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15