sicnot

Perfil

Rio 2016

Bruma desolado por Galatasaray não o ter dispensado para os Jogos Olímpicos

O futebolista internacional português Bruma confessou-se hoje "desolado por não cumprir o sonho" de ir aos Jogos Olímpicos na sequência da recusa do seu atual clube, o Galatasaray, de o dispensar para representar Portugal no Rio de Janeiro.

O segundo lugar da lista de atletas mais procurados pertence a Bruma.

O segundo lugar da lista de atletas mais procurados pertence a Bruma.

Armando Franca

O selecionador nacional de sub-21, Rui Jorge, pretendia levar Bruma aos Jogos Olímpicos, tendo a Federação enviado um pedido de autorização ao clube turco, cuja resposta, dada há três dias, foi negativa.

"Tenho de respeitar a decisão do clube, porque não está obrigado a ceder-me à seleção. Mas sempre disse que era um sonho meu representar a seleção nacional numa competição como os Jogos. Estou desolado por não o fazer", disse Bruma, em declarações à sua assessoria de imprensa.

A ida aos Jogos era "um dos objetivos que tinha traçado para a carreira", razão pela qual confessa a sua "tristeza por não o alcançar e a necessidade de se habituar à ideia de que não vai cumprir esse sonho".

O internacional português já se destacou durante a pré-época em curso, ao apontar um grande golo no único jogo de preparação do seu clube, numa altura em que aguarda pela conclusão das negociações que decorrem entre o PSV Eindhoven e o Galatasaray para a sua transferência definitiva para o clube holandês.

Bruma espera, agora, que a seleção consiga trazer uma medalha dos Jogos: "Vou torcer e, claro, espero que a nossa seleção consiga trazer uma medalha. Estamos numa fase muito boa do futebol português e tenho a certeza que os meus colegas que vão estar no Brasil saberão honrar a nossa camisola e o nosso país. Vou tentar acompanhar os jogos de Portugal e, claro, não escondo que talvez me emocione a vê-los, pensando que gostaria muito de estar com eles e a ajudá-los a lutar por Portugal e a escutar o nosso hino".

Lusa

  • 950 militares cercam a Rocinha, no Rio de Janeiro
    2:36
  • Terra volta a termer no México

    Mundo

    Um sismo de magnitude 6,2, na escala de Richter, foi registado às 05h30, hora local, 23h30, em Lisboa. Até ao momento não há registo de vítimas ou danos materiais.

  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04

    Mundo

    O Presidente francês volta hoje a ser alvo de manifestações contra a reforma laboral. Os protestos foram organizados por Jean Luc Melenchon, o candidato da extrema-esquerda que concorreu contra Macron.

  • Tony Carreira em Paris com sala cheia
    2:36

    Cultura

    O cantor Tony Carreira actuou ontem em Paris e teve sala cheia a aplaudir os temas que o tornaram conhecido há quase 30 anos. As recentes acusações de plágio não parecem afectar a popularidade do artista, que vai continuar em tournée. A Sic acompanhou o artista neste concerto.