sicnot

Perfil

Rio 2016

Polícia brasileira detém suspeitos de planearem atos terroristas no Rio 2016

© Sergio Moraes / Reuters

A Polícia Federal do Brasil anunciou hoje a prisão de vários suspeitos de planearem atos terroristas no país, quinze dias antes da abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, noticia a Folha de São Paulo.

O serviço de Inteligência do governo brasileiro terá identificado um grupo cooptado por facções extremistas através da internet.

O suspeito foi detido no âmbito de uma operação contra o terrorismo sobre a qual falará o ministro da Justiça, Alexandre Moraes, que convocou uma entrevista coletiva em Brasília hoje às 11:00 (15:00 de Lisboa).

Nas últimas semanas, o presidente em interino, Michel Temer, divulgou manifestações em vídeo para tranquilizar turistas e atletas em relação à segurança do evento esportivo que começa no dia 5 de agosto.

Além dele, o próprio ministro da Justiça também reiterou em diversas oportunidades que o país está preparado e que existe um pequeno risco de atentados serem organizados no Brasil.

No entanto, informações divulgadas hoje pelo jornal O Estado e S.Paulo indicam que o Daesh e outros grupos jihadistas têm incitado seus seguidores a atuar como "lobos solitários" e realizar ataques terroristas durante os Jogos Olímpicos do Rio.

Com Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22