sicnot

Perfil

Rio 2016

Ministro da Defesa diz que Brasil vive "paranoia exacerbada" antes dos Jogos

© Stoyan Nenov / Reuters

Raul Jungmann, ministro da Defesa brasileiro, disse hoje no Rio de Janeiro que nos últimos dias passou a haver uma "paranoia exacerbada" em torno do tema terrorismo nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Segundo informações do jornal Folha de S.Paulo, o ministro voltou a dizer que não há qualquer "ameaça consistente" e que o país vive um momento de stress pré-grande evento.

"Há um diferencial hoje de que estamos tendo atos de terrorismo no mundo. Isso causa uma espécie de paranoia exacerbada", afirmou.

Raul Jungmann também voltou a declarar que nenhum dos serviços de inteligência do mundo registraram qualquer ameaça consistente, real para o evento.

As Forças Armadas do Brasil terão 22.000 militares no Rio durante os Jogos Olímpicos. Outros 3.000 militares estarão nos quartéis e apenas serão mobilizados em caso de situações de emergência.

Apesar das declarações do ministro sobre a baixa probabilidade de atentados no país, na quinta-feira o Governo brasileiro anunciou a prisão de 10 suspeitos, que teriam ligação com o grupo 'jihadista' Estado Islâmico e estariam a preparar atos terroristas durante o evento desportivo.

Hoje de manhã estes suspeitos foram transferidos para uma prisão de segurança máxima no Estado do Mato Grosso do Sul.

Nos próximos 20 dias, os detidos estarão no Regime Disciplinar Diferenciado na Prisão Federal de Campo Grande, ficando isolados uns dos outros e sem contacto com outros detidos.

Os Jogos Olímpicos decorrem de 05 a 21 de agosto no Rio de Janeiro.

Lusa

  • Brasileiros preocupados com segurança no país
    0:40

    Rio 2016

    Numa altura em que se fazem os últimos preparativos para os Jogos Olímpicos, os brasileiros mostram-se preocupados com a segurança no país. Ainda mais após a detenção de dez suspeitos que planeavam um ataque ao Rio 2016.

  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16
  • George H. Bush nos cuidados intensivos e mulher também hospitalizada

    Mundo

    O antigo Presidente dos Estados Unidos da América e a sua mulher estão hospitalizados em Houston, no Texas. George H. W. Bush foi admitido no sábado, devido a um problema respiratório derivado de pneumonia, enquanto Barbara Bush entrou esta quarta-feira no hospital, por sintomas de fadiga e tosse.

  • Nevão provocou corte de energia no centro dos EUA
    1:37

    Mundo

    Uma tempestade de neve no centro dos Estados Unidos da América provocou cortes no abastecimento de eletricidade, atrasos em voos e dificuldades na circulação rodoviária. Em Espanha, a descida das temperaturas levou à emissão de avisos em 30 províncias de norte a sul do país e deixou 27.700 alunos sem aulas em Valência.

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..