sicnot

Perfil

Rio 2016

Ministro da Defesa diz que Brasil vive "paranoia exacerbada" antes dos Jogos

© Stoyan Nenov / Reuters

Raul Jungmann, ministro da Defesa brasileiro, disse hoje no Rio de Janeiro que nos últimos dias passou a haver uma "paranoia exacerbada" em torno do tema terrorismo nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Segundo informações do jornal Folha de S.Paulo, o ministro voltou a dizer que não há qualquer "ameaça consistente" e que o país vive um momento de stress pré-grande evento.

"Há um diferencial hoje de que estamos tendo atos de terrorismo no mundo. Isso causa uma espécie de paranoia exacerbada", afirmou.

Raul Jungmann também voltou a declarar que nenhum dos serviços de inteligência do mundo registraram qualquer ameaça consistente, real para o evento.

As Forças Armadas do Brasil terão 22.000 militares no Rio durante os Jogos Olímpicos. Outros 3.000 militares estarão nos quartéis e apenas serão mobilizados em caso de situações de emergência.

Apesar das declarações do ministro sobre a baixa probabilidade de atentados no país, na quinta-feira o Governo brasileiro anunciou a prisão de 10 suspeitos, que teriam ligação com o grupo 'jihadista' Estado Islâmico e estariam a preparar atos terroristas durante o evento desportivo.

Hoje de manhã estes suspeitos foram transferidos para uma prisão de segurança máxima no Estado do Mato Grosso do Sul.

Nos próximos 20 dias, os detidos estarão no Regime Disciplinar Diferenciado na Prisão Federal de Campo Grande, ficando isolados uns dos outros e sem contacto com outros detidos.

Os Jogos Olímpicos decorrem de 05 a 21 de agosto no Rio de Janeiro.

Lusa

  • Brasileiros preocupados com segurança no país
    0:40

    Rio 2016

    Numa altura em que se fazem os últimos preparativos para os Jogos Olímpicos, os brasileiros mostram-se preocupados com a segurança no país. Ainda mais após a detenção de dez suspeitos que planeavam um ataque ao Rio 2016.

  • Cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se em Lisboa
    3:55

    Economia

    Perto de cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se esta sexta-feira, em Lisboa. Os números são avançados pelos sindicatos. Os trabalhadores contestam a transferência de funcionários para empresas parceiras da Altice e outras empresas do grupo, sem as mesmas garantias e direitos. A Altice garante que as transferências são legais mas alguns funcionários já levaram o caso a tribunal.

  • Uma viagem aérea pela Lagoa Negra
    1:02
  • Videovigilância regista impacto de sismo na Grécia

    Mundo

    Um sismo de magnitude 6.7 atingiu na quinta-feira o mar Egeu e causou pelo menos dois mortos e mais de 200 feridos. O momento e o impacto causado pelo abalo foram registados através de uma câmara de videovigilância de um café, na ilha grega de Kos, um dos locais mais afetados.

  • A sátira a Sean Spicer no Saturday Night Live
    1:36

    Mundo

    O estilo de Sean Spicer foi controverso desde o início. A relação conflituosa do ex-assessor da Casa Branca com os jornalistas foi muitas vezes satirizada na comunicação social. Um exemplo é um momento do Saturday Night Live, protagonizado pela atriz Meliissa McCarthy.

  • Músico indiano toca guitarra durante cirurgia ao cérebro

    Mundo

    Abhishek Prasad foi submetido a uma cirurgia ao cérebro esta quinta-feira, num hospital na cidade indiana de Bangalore, após anos e anos a sofrer de dolorosos espasmos nas mãos. O insólito do caso foi que o músico indiano teve de tocar guitarra para ajudar os médicos durante a intervenção cirúrgica.