sicnot

Perfil

Rio 2016

Ministro da Defesa diz que Brasil vive "paranoia exacerbada" antes dos Jogos

© Stoyan Nenov / Reuters

Raul Jungmann, ministro da Defesa brasileiro, disse hoje no Rio de Janeiro que nos últimos dias passou a haver uma "paranoia exacerbada" em torno do tema terrorismo nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Segundo informações do jornal Folha de S.Paulo, o ministro voltou a dizer que não há qualquer "ameaça consistente" e que o país vive um momento de stress pré-grande evento.

"Há um diferencial hoje de que estamos tendo atos de terrorismo no mundo. Isso causa uma espécie de paranoia exacerbada", afirmou.

Raul Jungmann também voltou a declarar que nenhum dos serviços de inteligência do mundo registraram qualquer ameaça consistente, real para o evento.

As Forças Armadas do Brasil terão 22.000 militares no Rio durante os Jogos Olímpicos. Outros 3.000 militares estarão nos quartéis e apenas serão mobilizados em caso de situações de emergência.

Apesar das declarações do ministro sobre a baixa probabilidade de atentados no país, na quinta-feira o Governo brasileiro anunciou a prisão de 10 suspeitos, que teriam ligação com o grupo 'jihadista' Estado Islâmico e estariam a preparar atos terroristas durante o evento desportivo.

Hoje de manhã estes suspeitos foram transferidos para uma prisão de segurança máxima no Estado do Mato Grosso do Sul.

Nos próximos 20 dias, os detidos estarão no Regime Disciplinar Diferenciado na Prisão Federal de Campo Grande, ficando isolados uns dos outros e sem contacto com outros detidos.

Os Jogos Olímpicos decorrem de 05 a 21 de agosto no Rio de Janeiro.

Lusa

  • Brasileiros preocupados com segurança no país
    0:40

    Rio 2016

    Numa altura em que se fazem os últimos preparativos para os Jogos Olímpicos, os brasileiros mostram-se preocupados com a segurança no país. Ainda mais após a detenção de dez suspeitos que planeavam um ataque ao Rio 2016.

  • Quatro pessoas assassinadas em Barcelos

    País

    Quatro pessoas, entre elas uma grávida, foram assassinadas hoje em Tamel, no concelho de Barcelos. As vítimas terão sido esfaqueadas e o suspeito já se entregou.

    Em desenvolvimento

  • Défice de 2016 fica nos 2,1%

    Economia

    O défice orçamental ficou nos 2,1% do PIB em 2016, em linha com o previsto pelo Governo. É o valor mais baixo em democracia. Está aberto o caminho ao fim do Procedimento por Défices Excessivos.

    Em desenvolvimento

  • Libertado o ex-Presidente egípcio Hosni Mubarak

    Mundo

    O ex-Presidente egípcio foi libertado hoje, depois de ter sido absolvido por um tribunal de recurso, no início deste mês. Hosni Mubarak estava agora confinado a um hospital militar. O antigo chefe de Estado tinha sido condenado em 2012 pela morte de manifestantes nos protestos da Primavera Árabe.

  • Comissão Europeia quer proibir o tabaco na praia

    País

    A Comissão Europeia quer proibir o tabaco em todos os espaços públicos, incluindo praias, parques infantis e equipamentos desportivos. A proposta foi apresentada pelo comissário da Saúde e Segurança Alimentar que, além de querer reduzir a dependência do tabaco, também sugere que todos os estados membros apliquem uma idade mínima para a venda de tabaco.

  • "Nós aceitamos sempre os resultados das eleições"
    1:07

    País

    Durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa, o líder dos sociais-democratas garantiu que o partido tem fair-play mas disse que está nas eleições autárquicas para ganhar. Pedro Passos Coelho acrescentou ainda que o PSD aceita sempre os resultados das eleições.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27
  • Data e local da canonização serão anunciados a 20 de abril
    2:23

    País

    O Papa aprovou esta quinta-feira o decreto que valida o milagre atribuído a Francisco e Jacinta. A data e local da cerimónia da canonização dos pastorinhos serão anunciados a 20 de abril, na reunião de cardeais no Vaticano. O Bispo de Leiria/Fátima acredita que a cerimónia possa ser a 13 de maio, durante a visita do Papa a Fátima.