sicnot

Perfil

Rio 2016

Comitiva portuguesa sem problemas nas instalações da aldeia olímpica

Comitiva portuguesa sem problemas nas instalações da aldeia olímpica

A comitiva portugueses que já está no Rio de Janeiro não tem sido afetada pelos problemas nas instalações da aldeia olímpica. José Uva, o treinador da Patrícia Mamona, garante que encontraram todas as condições de treino e estadia.

  • Atletas australianos roubados na aldeia olímpica

    Rio 2016

    Os problemas com a equipa olímpica do Rio 2016 parecem não ter fim. Os atletas foram roubados. Foi durante a evacuação da aldeia olímpica devido ao fogo da passada sexta-feira. Dois computadores portáteis e equipamentos foram roubados dos quartos da residência australiana. Foi este domingo que deram por falta do material e denunciaram a situação.

  • Incêndio na aldeia olímpica obrigou uma centena de atletas a abandonar o local
    0:54

    Rio 2016

    As instalações da comitiva olímpica australiana foram evacuadas devido a um incêndio esta sexta-feira na aldeia olímpica, no Rio de Janeiro. Cerca de uma centena de atletas teve de abandonar o local depois das chamas terem deflagrado na cave do edifício. A chefe da missão olímpica australiana diz que o incidente revela que a cidade não está preparada para receber um evento como os Jogos Olímpicos.

  • Equipa sueca deixa aldeia olímpica por falta de condições
    2:20

    Rio 2016

    A segurança no Rio de Janeiro está assegurada. A garantia é do Governo brasileiro que desmentiu a informação de que um novo grupo de 15 terroristas teria sido detido pela polícia federal. Um problema maior parece ser a aldeia olímpica e as falhas que todos os dias são apontadas pelos atletas dos vários países que estão a chegar ao Rio de Janeiro. A equipa sueca já deixou a aldeia olímpica e mudou-se para um hotel que vai pagar do próprio bolso.

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Milhares de brasileiros protestam na Praia de Copacabana contra Temer
    3:04
  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40
  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.