sicnot

Perfil

Rio 2016

Telma Monteiro vai defrontar a número um mundial

M\303\201RIO CRUZ

A judoca portuguesa Telma Monteiro, número oito mundial, poderá encontrar a mongol Sumiya Dorjsuren, líder do ranking, no seu segundo confronto na categoria -57kg nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Isenta da primeira ronda, a atleta do Benfica ainda espera pela adversária na segunda eliminatória, que sairá do confronto entre a russa Irina Zabludina, 23.ª do ranking, e a neozelandesa Darcina Manuel, 25.ª.

Um possível encontro com Dorjsuren dará acesso às meias-finais da categoria -57kg, que se disputa a 8 de agosto.

Na véspera, Joana Ramos, 17.ª da hierarquia, será das primeiras portuguesas a entrar em ação, frente a Antoinette Gasondo, do Burundi, que está na 152.ª posição do ranking, podendo depois defrontar a chinesa Yangnan Ma, nona.

No mesmo dia, nos -66kg, Sergiu Oleinic, que foi o mais "infeliz" do sorteio, vai defrontar na primeira ronda o ucraniano Georgi Zantaria, número cinco mundial.

Nos -81kg, a 09 de agosto, Nuno Saraiva, 40.º do mundo, vai defrontar o húngaro Miklos Ungvari, 19.º da hierarquia.

Célio Dias, 22.º nos -90kg, terá, em teoria, uma primeira ronda fácil, uma vez que defrontará Celtus Sossou Yovo, do Benim, que ocupa o 222.º lugar do 'ranking', mas poderá encontrar na ronda seguinte o sueco Marcus Nyman, quarto.

Nos -100kg, Jorge Fonseca também teve um sorteio favorável, uma vez que vai defrontar o afegão Mohamed Bakhshi, 226.º do mundo, antes de poder encontrar o quarto da hierarquia, o checo Lukas Rapalek.

Lusa

  • 10 feridos ligeiros em naufrágio de embarcação em Cascais

    País

    A embarcação de recreio com 10 pessoas a bordo naufragou ao largo da Parede, na linha de Cascais. Todos os tripulantes foram já resgatados pelas autoridades marítimas e bombeiros e apresentam escoriações ligeiras e sinais de hipotermia.

    Em atualização

  • A morte anunciada da ETA

    Mundo

    A organização separatista basca ETA vai anunciar a sua dissolução em 05 de maio, durante uma cerimónia marcada para Bayona, no País Basco francês, disseram à agência Efe fontes conhecedoras do processo.