sicnot

Perfil

Rio 2016

Filipe Lima cruza-se com crocodilo no campo de golfe dos Jogos Olímpicos

IN\303\201CIO ROSA

O português Filipe Lima elogiou esta quinta-feira o campo de golfe dos Jogos Olímpicos Rio 2016, após a primeira volta do torneio masculino, na qual ainda se cruzou com um crocodilo.

"Fantástico. O campo está uma maravilha, melhor não podia estar, o desenho está muito bom. A equipa de portugueses que fez o campo fez um trabalho fantástico. Gosto, com um bocadinho de orgulho, dizer que foram portugueses que fizeram o campo", referiu.

Para Filipe Lima, que terminou a primeira volta com 70 pancadas (uma abaixo do par), o campo não tem defeitos e "tem uns buracos muito longos, que são difíceis, mas os 'greens' onde a bola cai muito planos".

"Não tem erros, para mim está perfeito", referiu Lima, que considera que para fazer boas voltas é preciso uma boa pancada de saída, bem para o centro do campo, referindo que a sequência dos buracos 12, 13 e 14 é onde "se vai jogar o dia".

De acordo com Filipe Lima, "estar no meio da natureza" é um dos pontos positivos do golfe, pelo que não estranhou um encontro insólito durante a segunda metade da prova.

"No 10, tinha um crocodilo. Estávamos a andar ao pé dele. Está ali a olhar para nós e acho que até bate palmas de vez em quando. Estava lá, até é porreiro", disse um bem-disposto Filipe Lima.

Lusa

  • Vala comum com 6 mil corpos em Mossul
    1:43
  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • A menina que os pais queriam chamar "Allah"

    Mundo

    ZalyKha Graceful Lorraina Allah tem 22 meses, anda não sabe ler nem escrever mas já está no centro de um processo judicial contra o Estado da Georgia, nos EUA. Os pais, Elizabeth Handy e Bilal Walk, apoiados por uma ONG, exigem na justiça que o nome seja reconhecido na certidão de nascimento para que a criança possa ser inscrita na escola, na segurança social ou nos registos e notoriado. O casal já tem um filho de 3 anos que se chama Masterful Mosirah Aly Allah.

  • Acidentes em falésias matam 94 pescadores lúdicos

    País

    Mais de 90 pescadores lúdicos morreram nos últimos 19 anos e 137 ficaram feridos em 252 acidentes registados em zona rochosa ou em falésia, a maioria na zona de Lagos, Faro, segundo dados da Autoridade Marítima Nacional.

  • Partidos querem eleições a 1 de outubro
    1:35

    País

    A data para as próximas eleições autárquicas já gerou consenso. 1 de outubro é a data pedida pelos vários partidos ouvidos esta segunda-feira por António Costa. Na próxima quinta-feira, no Conselho de Ministros, o dia de ir às urnas vai ser escolhido.