sicnot

Perfil

Rio 2016

Ginasta sul-coreana "atordoada" com impacto da selfie com tirou com norte-coreana

© Dylan Martinez / Reuters

A ginasta sul-coreana Lee Eun-Ju disse hoje que está "atordoada" com o impacto político e mediático provocado pela 'selfie' que tirou com a sua homóloga norte-coreana Hong Un-jon.

"Eu vi-a e pedi-lhe para tirar uma foto, queria ficar com uma recordação", afirmou a ginasta ao canal sul-coreano KBS, acrescentando: "Não esperava tantas reações, estou atordoada".

A fotografia das duas ginastas inundou as redes sociais e tornou-se simbólica, uma vez os dois países mantêm há décadas relações bastante tensas.

Thomas Bach, presidente do Comité Olímpico Internacional (COI) considerou que a foto das duas ginastas é a "ilustração perfeita do espírito olímpico".

A sul-corena Lee Eun-Ju, que tinha apenas nove anos quando Hong Un-jon conquistou uma medalha de ouro em Pequim 2008, admite não perceber muito de política e de relações diplomáticas.

"Não sei grande coisa de política, mas sei que a nossa relação com a Coreia do Norte é terrível", afirmou, questionando: "No fim das provas misturamo-nos com os outros atletas e tiramos fotos, porque é que nós, sul e norte-coreanos não podemos fazer o mesmo?".

Lusa

  • A selfie que uniu as Coreias

    Rio 2016

    Uma "selfie" tirada por duas atletas nos Jogos Olímpicos uniu simbolicamente dois países, tradicionalmente de costas voltadas. Coreia do Norte e Coreia do Sul estão de relações cortadas há décadas, mas o espírito olímpico das duas ginastas conseguiu sobrepor-se à tensão geopolítica de anos

  • Bataglia deixou passar 12 milhões pela sua conta a pedido de Salgado
    2:05

    Operação Marquês

    O presidente da Escom e arguido na Operação Marquês Helder Bataglia terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates. O amigo de Sócrates e Bataglia terão combinado várias formas de não levantar suspeitas. A notícia é avançada pelo jornal Expresso na edição deste sábado.

  • Dirigente derrotado da Gâmbia concorda em ceder poder

    Mundo

    O ex-presidente e candidato derrotado das eleições na Gâmbia, Yahya Jammeh, concordou em ceder o poder ao novo Presidente do país, empossado na quinta-feira, indicou esta sexta-feira um responsável governamental senegalês.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.