sicnot

Perfil

Rio 2016

Phelps procura o 23º ouro e etíope Dibaba Tirunesh o tri nos 10.000

Michael Phelps, que aos 31 anos compete nos seus quintos Jogos Olímpicos, tem 22 medalhas de ouro num total de 26 pódios.

BERND THISSEN/ EPA

Michael Phelps tem hoje a oportunidade de aumentar para 23 os títulos olímpicos na sua carreira na natação, caso consiga vencer os 100 metros mariposa pela quarta vez nos Jogos. A etíope bicampeã olímpica Dibaba Tirunesh deve ter na compatriota Ayana Almaz a principal adversária à conquista do tri nos 10.000 metros

Veja aqui o programa por modalidades desta quinta-feira, 11 de agosto, nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

10:00/14:00 em Lisboa - Equestre Dressage equipas

11:00/15:00 - Tiro Carabina deitado a 50 metros (M)

11:00/15:00 - Pugilismo 49kg (M) - meias-finais

11:10/15:10 - Atletismo10.000 metros (F)

12:00/16:00 - TénisPares (M)

13:52/17:52 - Remo Double Scull - peso ligeiro (F)

14:00/18:00 - Ginástica/trampolins Final (F)

14:04/18:04 - RemoDouble Scull - peso ligeiro (M)

14:24/18:24 - RemoDois sem timoneiro (F)

14:30/18:30 - Atletismo20 km marcha (M)

14:44/18:44 - Remo Quatro sem timoneiro (M)

15:00/19:00 - TiroSkeet (F)

15:00/19:00 - Tiro com arco Singulares (M)

15:30/19:30 - Halterofilismo 75 kg (F)

15:30/19:30 - Judo +78 kg (F) +100 kg (M)

16:00/20:00 - Ciclismo/pista Sprint equipas (F) Perseguição equipas (M)

17:00/21:00 - EsgrimaFlorete equipas (M)

19:00/23:00 - Halterofilismo 85 kg (M)

22:00/02:00 - Atletismo Peso (F)

22:00/02:00 - Natação 200 metros costas (F) 100 metros mariposa (M) 800 metros livres (F) 50 metros livres (M)

Esta é a prova na qual tem sentido maiores dificuldades para impor o seu domínio: em Atenas2004 bateu o recordista mundial Yan Crocker, em 2008 chegou um centésimo de segundo antes do sérvio Milorad Cavic e em Londres vingou-se do título que o sul-africano Chad le Clos lhe 'roubou' nos 200 metros.

Sem igual na história do olimpismo, Michael Phelps, que aos 31 anos compete nos seus quintos Jogos Olímpicos, tem 22 medalhas de ouro num total de 26 pódios, mais um do que o total de Portugal, que na sua história em Jogos totaliza 24 medalhas.

A etíope bicampeã olímpica Dibaba Tirunesh deve ter na compatriota Ayana Almaz, especialista nos 5.000 e 3.000, a principal adversária à conquista do tri nos 10.000 metros, a primeira final do atletismo, a modalidade raínha dos Jogos Olímpicos.

Dibaba Tirunesh após a conquista do 1º lugar na prova dos 10.000 metros no Campeonato do Mundo de Atletismo em Moscovo, em 2013.

Dibaba Tirunesh após a conquista do 1º lugar na prova dos 10.000 metros no Campeonato do Mundo de Atletismo em Moscovo, em 2013.

© Dylan Martinez / Reuters

Em junho, em prova seletiva realizada na Holanda, Ayana, mais jovem seis anos, bateu a sua rival, conhecida no atletismo como 'destruidora com cara-de-bebe', que fez um ano sabático em 2015.

A ronda inaugural do atletismo também pode trazer um terceiro ouro consecutivo à lançadora do peso neozelandesa Valerie Adams, que venceu todas as competições em que entrou entre 2007 e 2013: foi posteriormente operada ao cotovelo direito e ombro esquerdo, o que a fez perder os mundiais de 2015.

Com Lusa

  • Criança de 2 anos desaparecida em Sintra

    País

    As autoridades estão este domingo a fazer buscas na zona do bairro de Santa Marta, em Casal de Cambra, Sintra, na sequência do alerta do desaparecimento de uma criança de dois anos, segundo fonte da PSP.