sicnot

Perfil

Rio 2016

Fernando Pimenta termina em 5.º

Canoísta Fernando Pimenta

© Murad Sezer / Reuters

O canoísta Fernando Pimenta, em K1 1.000 metros falhou à instantes a tão ambicionada medalha para Portugal. A prova foi ganha pelo espanhol Marcus Walz.

Pimenta, de 27 anos, ficou a 3,902 segundos do espanhol Marcus Walz, medalha de ouro, em 3.31,447 minutos. A prata foi para o checo Josef Dostal, a 0,698 segundos, e o bronze para o russo Roman Anoshkin, a 1,916.

Portugal mantém-se, assim, apenas com uma medalha, da judoca Telma Monteiro na categoria de -57kg, e agora cinco diplomas.

A prova realizou-se na pista da Lagoa Rodrigo de Freitas. O português arrancou bem mas não conseguiu manter a distância e perdeu, a meio da prova, a liderança.

O espanhol Marcus Walz acabou por conquistar o ouro. À frente do canoísta ficou ainda o australiano Murray Stewart.

  • Militares da GNR saem hoje à rua em protesto

    País

    A Associação dos Profissionais da Guarda (APG/GNR) e a Associação Nacional de Sargentos da Guarda (ANSG) realizam esta quarta-feira uma ação de protesto em Lisboa devido "à falta de resposta" do Governo às principais reivindicações.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Marcelo termina hoje visita de Estado ao Luxemburgo

    País

    O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, termina esta quarta-feira a visita de Estado de dois dias ao Luxemburgo com uma agenda dedicada a projetos em que estão envolvidos portugueses, além de um almoço com o primeiro-ministro luxemburguês.

  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.