sicnot

Perfil

Rio 2016

Juíza brasileira proíbe dois nadadores norte-americanos de saírem do país

Uma juíza brasileira proibiu esta quarta-feira a saída do país dos nadadores norte-americanos Ryan Lochte e James Feigen, no âmbito da investigação ao assalto que dizem ter sofrido na madrugada de domingo.

Ryan Lochte

Ryan Lochte

© XXSTRINGERXX xxxxx / Reuters

A decisão da juíza Keyla Blanc deve-se ao facto de existirem versões contraditórias dos atletas em relação ao assalto.

De acordo com o jornal O Globo, o nadador Ryan Lochte terá dito que ele e outros três companheiros de equipa tinham sido assaltados à mão armada, depois de saírem de uma festa no bairro da Gávea.

Um depoimento que entra em contradição com as imagens de vídeo vigilância na Aldeia Olímpica, nas quais os nadadores aparecem tranquilos e com os seus bens pessoais, depois de passarem pelos detetores de metais.

A imprensa brasileira diz ainda que Lochte já terá deixado o Brasil, mas que Feigen permanecerá no país, embora não esteja já na aldeia olímpica.

Lusa

James Feigen

James Feigen

© Albert Gea / Reuters

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.