sicnot

Perfil

Rio 2016

Juíza brasileira proíbe dois nadadores norte-americanos de saírem do país

Uma juíza brasileira proibiu esta quarta-feira a saída do país dos nadadores norte-americanos Ryan Lochte e James Feigen, no âmbito da investigação ao assalto que dizem ter sofrido na madrugada de domingo.

Ryan Lochte

Ryan Lochte

© XXSTRINGERXX xxxxx / Reuters

A decisão da juíza Keyla Blanc deve-se ao facto de existirem versões contraditórias dos atletas em relação ao assalto.

De acordo com o jornal O Globo, o nadador Ryan Lochte terá dito que ele e outros três companheiros de equipa tinham sido assaltados à mão armada, depois de saírem de uma festa no bairro da Gávea.

Um depoimento que entra em contradição com as imagens de vídeo vigilância na Aldeia Olímpica, nas quais os nadadores aparecem tranquilos e com os seus bens pessoais, depois de passarem pelos detetores de metais.

A imprensa brasileira diz ainda que Lochte já terá deixado o Brasil, mas que Feigen permanecerá no país, embora não esteja já na aldeia olímpica.

Lusa

James Feigen

James Feigen

© Albert Gea / Reuters

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.