sicnot

Perfil

Rio 2016

Maratonista Gebo Burka suspenso 18 meses por doping

© Shannon Stapleton / Reuters

O atleta etíope Gebo Burka, vencedor da maratona de Houston, Estados Unidos, em janeiro, foi suspenso por 18 meses devido a um controlo positivo, anunciou na sexta-feira a Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA).


Segundo a USADA, Burka, que terá de devolver os prémios arrecadados com a vitória em Houston, a 17 de janeiro, acusou uma hormona sintética, que na 'versão original' é usada como anti-inflamatório.

"A prednisona é uma substância classificada como glicocorticóides e é proibida em competição", lembrou a USADA, em comunicado.

Em sua defesa, Burka alegou à USADA que tinha uma prescrição médica para usar a substância em pequenas doses, só que não o informou às autoridades antidoping.

Na carreira, Burka já venceu cinco maratonas, entre elas as de Los Angeles e Sydney.

Lusa

  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • Esquerda contra a venda do Novo Banco
    1:51

    Economia

    O futuro do Novo Banco promete agitar a maioria de esquerda nas próximas semanas. O Bloco de Esquerda e o PCP estão contra os planos de privatização e insistem que a solução é nacionalizar o banco. O Bloco de Esquerda defende que privatizar 75% é o pior de dois mundos. Já o PCP diz que o banco deve ser integrado no setor público.

  • Identificadas 10 mil vítimas de violência em 2016
    1:32

    País

    Há cada vez mais homens e idosos a pedirem ajuda à Associação Portuguesa de Apoio à Vítima. Segundo o relatório anual da APAV conhecido esta segunda-feira, foram identificadas quase 10 mil vítimas de violência no ano passado. Cerca de 80% são mulheres casadas e com cerca de 50 anos.