sicnot

Perfil

Sismo em Itália

Novo sismo de 4,4 graus e numerosas réplicas após terramoto em Itália

Alessandra Tarantino

Um novo sismo de magnitude 4,4 abalou esta quarta-feira à tarde Itália, com epicentro em Accumoli, mais uma das numerosas réplicas ocorridas após o terramoto de magnitude 6,2 que fez pelo menos 124 mortos no centro do país.

O Instituto Italiano de Geofísica e Vulcanologia (INGV) confirmou que depois do sismo desta madrugada, que destruiu aldeias inteiras no centro do país, a atividade sísmica prosseguiu nas últimas horas, com muitas réplicas com magnitude de cerca de 3 graus na escala de Richter.

Mas às 19:45 locais (18:45 em Lisboa), o chão voltou a tremer, causando medo entre as pessoas que se encontram perto das zonas afetadas, mas também nas equipas de salvamento que continuam no meio dos escombros à procura de possíveis sobreviventes.

O INGV confirmou que, após o forte terramoto das 03:36 locais (02:36 de Lisboa), cujo número de vítimas é ainda provisório, dado que há centenas de desaparecidos que poderão estar soterrados, ocorreram mais 159 tremores de terra com magnitude de entre 3 e 4 graus.

Outro dos sismos mais fortes ocorreu às 04:33 locais (03:33 de Lisboa) na zona de Nórcia, Perúgia, com uma magnitude de 5,4 graus.

A região, que sofreu no passado outros terramotos de forte intensidade, situa-se num ponto de alta perigosidade sísmica que percorre o eixo da cadeia montanhosa.

O Instituto de Geofísica acrescentou ainda que a profundidade das réplicas foi pequena, tendo a maioria delas ocorridos nos primeiros dez quilómetros.

Lusa

  • O que aprendemos com secas anteriores?
    32:50
  • Como comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • Primeira casa reconstruída de raiz depois dos incêndios de Pedrógão já foi entregue
    1:49
  • Saiba que efeitos causam os diferentes tipos de bebidas alcoólicas

    Mundo

    As diferentes bebidas alcoólicas alteram e moldam o estado de espírito de formas distintas, concluiu um estudo científico sobre consumo de álcool e emoções. Segundo esta pesquisa, quem ingere bebidas espirituosas pode sentir-se irritado, sexy ou triste, enquanto quem opta pelo vinho tinto ou cerveja terá mais probabilidade de se sentir descontraído.