sicnot

Perfil

Sismo em Itália

Portugal "responderá presente" a pedido de apoio de Itália

GUARDIA DI FINANZA PRESS OFFICE / HANDOUT

A ministra da Administração Interna disse que Portugal "responderá presente" a um eventual pedido de apoio de Itália, país onde foi registado um sismo de magnitude de 6,2 na madrugada desta quarta-feira.

"Neste momento Itália ainda não acionou nenhum pedido de ajuda. Naturalmente que, a partir do momento que o acione Portugal responderá presente", afirmou Constança Urbano de Sousa em Sardoal, no distrito de Santarém, à margem de uma visita aos incêndios que se registam naquela região desde terça-feira.

Cerca de 160 réplicas ocorreram no centro de Itália desde o sismo registado na madrugada de hoje, que causou pelo menos 73 mortos, informou o Instituto Nacional de Geofísica e Vulcanologia italiano.

O terramoto, ocorrido às 03:36 (02:36 em Lisboa), teve uma magnitude de 6,2, segundo o centro norte-americano de monitorização da atividade sísmica mundial USGS, e de 6,0, segundo o Instituto de Geofísica italiano.

Segundo a proteção civil italiana, na sequência do sismo ficaram destruídos dezenas de edifícios e numerosas pessoas estarão presas nos escombros.

Lusa

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.