sicnot

Perfil

Sismo no Nepal

Sismo no Nepal causa apelo menos 18 mortos em avalancha no Evereste

Sismo no Nepal causa apelo menos 18 mortos em avalancha no Evereste

Nos Himalaias o sismo que se fez sentir no Nepal provocou avalanchas de gelo e neve. Pelo menos 18 pessoas morreram só no Monte Evereste.

  • Governo do Nepal aceitou ajuda humanitária internacional
    1:47

    Sismo no Nepal

    O Nepal declarou o estado de emergência e apelou à ajuda internacional. O maior terramoto dos últimos oitenta anos, com magnitude de 7,9, provocou mais de mil mortos e destruiu o centro histórico da capital Kathmandu. O sismo provocou ainda avalanchas no Everest e vítimas no Tibete e na Índia.

  • Terra volta tremer no Nepal e na Índia
    2:25

    Sismo no Nepal

    Um novo sismo de magnitude 6,7 na escala de Richter voltou a abalar o Nepal. Ainda não há muitas informações, mas sabe-se que, foi também sentido em Nova Deli, na Índia. Ontem, o país sofreu um outro poderoso abalo, de magnitude 7,8 que terá provocado a morte a mais de 2 mil pessoas. Há ainda mais de 5 mil feridos. Ao país começam hoje a chegar equipas e recursos enviados pela comunidade internacional que se disponibilizaram a ajudar.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.