sicnot

Perfil

Operação Marquês

Operação Marquês

Operação Marquês

Sindicato e Conselho Deontológico repudiam ataque de advogado de Sócrates a jornalista

O Sindicato dos Jornalistas (SJ) e o Conselho Deontológico repudiaram o "insultuoso ataque" que o advogado de José Sócrates, João Araújo, fez a uma jornalista do Correio da Manhã (CM) e esperam que "não se volte a repetir".

(Lusa/ Arquivo)

(Lusa/ Arquivo)

ANDRÉ SANANO/LUSA

Numa posição conjunta da direção do SJ e do Conselho Deontológico sobre os insultos a jornalistas, enviada à Lusa, as duas entidades "repudiam o insultuoso ataque" e esperam "que não se volte a repetir".

"Num quadro geral de aumento de ataques e insultos a jornalistas assistimos hoje a um inusitado ataque a uma jornalista do Correio da Manhã por parte do advogado João Araújo, referem, salientando que "a jornalista estava a desempenhar o seu dever profissional após uma decisão de um tribunal". 

O advogado, acrescentam, "tem todo o direito a não responder a jornalistas, mas não pode insultar ninguém", pelo que "repudiam o insulto feito a uma jornalista" do Correio da Manhã. 

Entretanto, a jornalista Tânia Laranjo, CM, anunciou que vai apresentar uma queixa-crime ao Ministério Público contra o advogado de José Sócrates e uma outra à Ordem dos Advogados.

Em causa está a forma como João Araújo se dirigiu à jornalista no final da apreciação do pedido de 'habeas corpus' pelo Supremo Tribunal de Justiça, ao sugerir que "tomasse mais banho" porque "cheira mal".

A jornalista apresentará uma queixa em nome próprio, patrocinada pelo jornal Correio da Manhã, ao Ministério Público e outra à Ordem dos Advogados.

Em declarações à Correio da Manhã TV, o diretor do CM, Octávio Ribeiro, disse que o "jornal está disposto a processar" João Araújo.


As declarações de João Araújo ocorreram junto ao edifício do STJ, onde foi analisado e rejeitado o pedido de libertação imediata (habeas corpus) de José Sócrates apresentado pela defesa do ex-primeiro-ministro, num caso que teve como relator o juiz conselheiro Santos Cabral.

Na providência dirigida ao Supremo, a defesa de Sócrates alegava que o juiz Carlos Alexandre, do Tribunal Central de Instrução Criminal (TCIC), deveria ter revisto a medida de coação de prisão preventiva ao fim de três meses, mas que ultrapassou esse prazo, e questiona também a competência do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) e do TCIC para analisaram factos que alegadamente remontam ao período em que Sócrates era primeiro-ministro, pelo que a investigação caberia, por lei, ao STJ.


Lusa
  • IPSS no Seixal alvo de processo e auditoria financeira
    1:47

    País

    A Segurança Social está fazer mais uma inspeção total a uma IPSS, agora na Associação Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos do Seixal. A fiscalização já recolheu documentação e está agora a passar a pente fino as contas, os serviços e todos os procedimentos da Instituição.

    Investigação SIC - Hoje no Jornal da Noite

    SIC

  • "Vai custar muito a voltarmos à realidade"
    2:22
  • Quando o frio até as pestanas congela

    Mundo

    Os termómetros desceram até aos - 67º Celsius em Yakutia, 5.300 quilómetros a Este de Moscovo, na Rússia. Nesta região, os estudantes estão habituados a manter as rotinas, mesmo quando as valores chegam aos - 40º Celsius, mas esta terça-feira as autoridades encerraram escolas e aconselharam a população a ficar em casa, longe do frio que até as pestanas congela.

    SIC

  • Quase 600 pedidos de nulidade de casamentos católicos em três anos
    1:38

    País

    Entre 2015 e 2017, 575 casais portugueses pediram a anulação do casamento católico. O ano passado o número de pedidos duplicou em relação a 2015. Desde esse ano, e por decisão do Papa Francisco, que os pedidos de nulidade do casamento pela Igreja são mais simples, mais baratos e mais rápidos.

  • "É preciso namorar bem para que o namoro dê certo"
    2:31

    País

    Rui Rio diz que a decisão sobre o futuro da liderança da bancada parlamentar do PSD só será tomada depois de falar com Pedro Passos Coelho e com Hugo Soares. Em entrevista à RTP, a primeira depois de vencer as diretas, o Rui Rio lembrou esta terça-feira que Passos Coelho ainda é líder do partido.

  • Deputado dorme no Parlamento britânico
    0:58