sicnot

Perfil

Operação Marquês

Operação Marquês

Operação Marquês

Carlos Santos Silva já está em prisão domiciliária com pulseira eletrónica

Carlos Santos Silva já está em casa, onde vai ficar detido, com pulseira electrónica, a aguardar o fim da Operação Marquês.O amigo, José Sócrates, é agora o único arguido em prisão preventiva.

Carlos Santos Silva, amigo do ex-governante, está indiciado por branqueamento de capitais, fraude fiscal e corrupção e, tal como José Sócrates, está preso há seis meses. (Arquivo)

Carlos Santos Silva, amigo do ex-governante, está indiciado por branqueamento de capitais, fraude fiscal e corrupção e, tal como José Sócrates, está preso há seis meses. (Arquivo)

DR

O empresário, que foi detido no âmbito da Operação Marquês, chegou a casa, na zona de Telheiras em Lisboa, perto das sete da tarde.
Foi uma entrada rápida, pela garagem, no prédio onde reside com a mulher e a filha.

Carlos Santos Silva estava detido há seis meses. O amigo de José Sócrates é suspeito dos crimes de branqueamento de capitais fraude fiscal e corrupção.

Dos 8 arguidos da Operação Marquês, o ex-primeiro-ministro é o único que se mantém em prisão preventiva.
  • "De hoje em diante, só a América virá em primeiro lugar"
    3:20
  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39

    Mundo

    As primeiras decisões da era Trump não tardaram. O 45.º Presidente dos Estados Unidos da América já avançou com algumas medidas, entre elas, a confirmação dos nomes que vão compor a nova administração e a criação do Dia do Patriotismo.

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.